Chuveiros das praias de Santos recebem dispositivo contra desperdício

Já se encontra em funcionamento, em caráter experimental, o primeiro dos 47 chuveiros da orla de Santos. A finalidade é evitar o desperdício, interrompendo o fluxo do precioso líquido entre 23h da noite e 5h da manhã

  
  
A finalidade é evitar o desperdício, interrompendo o fluxo do precioso líquido entre 23h da noite e 5h da manhã

Já se encontra em funcionamento, em caráter experimental, o primeiro dos 47 chuveiros da orla marítima de Santos a funcionar com dispositivo eletrônico. A finalidade é evitar o desperdício, interrompendo o fluxo do precioso líquido entre 23h da noite e 5h da manhã.

Resultante de uma parceria entre a Prefeitura Municipal de Santos e a Sabesp, o novo equipamento está instalado no Posto 3, ao lado do laboratório da Semam (Secretaria de Meio Ambiente), na praia do Gonzaga. Os resultados são animadores.“A economia de água nesse ponto foi equivalente ao consumo diário de mil pessoas”, disse o gerente Regional da Sabesp, engenheiro Sérgio Bekerman.

O segundo equipamento está sendo instalado na praia da Aparecida, próximo à Fonte do Sapo. A previsão é de que o custo de implantação de cada chuveiro seja de R$ 1.500,00. A Seserp fará a instalação dos equipamentos, junto aos cavaletes de água de cada terminal (que têm quatro saídas), enquanto a Sabesp ficará responsável pela parte hidráulica. Existe a possibilidade de alterar o horário do fornecimento, se houver necessidade.

Sabendo usar, não vai faltar...
Quem costuma esquecer da vida debaixo do chuveiro precisa se conscientizar de que está contribuindo para o consumo exagerado de água. Cinco minutos é tempo suficiente para um banho completo e sustentável. Segundo dados da campanha De Olho nos Mananciais, um banho de ducha de 15 minutos, com o registro meio aberto, consome 243 litros de água. Fechando o registro enquanto nos ensaboamos e reduzindo o tempo do banho para cinco minutos é possível reduzir o consumo de água total para 45 litros.

Fonte: Prefeitura de Santos

  
  

Publicado por em

Delmar

Delmar

25/01/2013 06:32:21
Isso é tão absurdo quanto o próprio chuveiro.
Das 23 as 5h praticamente ninguém está na orla , obviamente deixar de gastar o precioso líquido seria não haver o mesmo chuveiro, pq não existe nenhum país com bom senso fazendo o mesmo com a água.
Objetivo populista e arrogante manter chuveiros na praia.
As pessoas gastam a água lá e depois em casa. Puro desperdício.
Sabesp, sua vez!!