Obra inédita evidencia mineradoras que gerenciam corretamente recursos hídricos

Para apresentar o uso da água na atividade minerária e subsidiar a implantação da gestão de recursos hídricos nos processos de lavra e beneficiamento de minérios no âmbito empresarial, a Agência

  
  

Para apresentar o uso da água na atividade minerária e subsidiar a implantação da gestão de recursos hídricos nos processos de lavra e beneficiamento de minérios no âmbito empresarial, a Agência Nacional de Águas (ANA) e o Instituto Brasileiro de Mineração (IBRAM) editaram o livro “A Gestão dos Recursos Hídricos e a Mineração”.

A publicação, resultado de um projeto conjunto, foi lançada em São Paulo (SP), no dia 16/5, às 18h, no Hall Monumental da Assembléia Legislativa do Estado (Av. Pedro Álvares Cabral, nº 201 – Ibirapuera), após reunião da Frente Parlamentar de Apoio à Mineração.

O livro tem como organizadores Antônio Félix Domingues, Patrícia Helena Gambogi Boson e Suzana Alípaz. Reúne trabalhos de mais de 40 profissionais das áreas de mineração e recursos hídricos. Soluções viabilizadas pelas empresas para reduzir o impacto da mineração sobre os recursos hídricos e a desmistificação de premissas equivocadas a respeito dos impactos da mineração sobre a água são apresentadas no trabalho.

Estiveram presentes ao lançamento, o presidente da ANA, José Machado, o presidente do IBRAM, Paulo Camillo Vargas Penna, o coordenador da Frente Parlamentar de Apoio à Mineração da Assembléia Legislativa de São Paulo, deputado João Caramez, e o coordenador do Comitê da Cadeia Produtiva da Mineração da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (FIESP), Tasso de Toledo Pinheiro, além de representantes de diversas empresas de mineração, entre outros.

Fonte: Sergio Cross

Del Valle Editoria

Contato: vininha@vininha.com

Site: www.animalivre.com.br

  
  

Publicado por em