Viaje quase de graça com Milhas Aéreas

Notícias > Ambiente > Nossa água > 

Projeto Água na Escola incentiva uso racional entre alunos da rede pública

Foi criado para conscientizar os jovens sobre a conservação, preservação, recuperação dos recursos hídricos, desperdício e redução de consumo de água.

27 de Outubro de 2008.
Publicado por Vininha F. Carvalho  

Os alunos do 5º ano do Ensino Fundamental da rede pública de Osasco, uma das maiores cidades da grande São Paulo, já estão preparados para receber seus primeiros diplomas de cidadania.

Através do projeto Água na Escola, realizado pelo Consórcio Santa Bárbara Engenharia/Concic, Sabesp e da ONG Água e Cidade, mais de 10.000 alunos de 49 escolas da região tornaram-se jovens especialistas no uso racional da água e na preservação do meio ambiente.

Os primeiros agentes mirins da água da Cidade de Osasco surgiram da iniciativa do Consórcio Santa Bárbara Engenharia/Concic, responsável pela execução das obras de duplicação da Adutora Jardim Mutinga/Vila Iracema que atravessa a Cidade, de informar à comunidade quanto á importância do uso racional da água.

O projeto Água na Escola em Osasco foi criado para conscientizar os jovens alunos da rede pública sobre a conservação, preservação, recuperação dos recursos hídricos, desperdício e redução de consumo de água.

Após passarem por um curso de capacitação em temas relacionados à água, com aulas expositivas e palestras organizadas pela ONG Água e Cidade, os professores das escolas estaduais de Osasco adotaram o tema como mais uma das disciplinas aplicadas aos alunos. A partir daí, cada escola passou a receber periodicamente todo o material didático composto por seis revistinhas abordando temas sobre o uso racional da água.

“O interesse das crianças e a assimilação dos alunos para a importância do tema fizeram com que, em um curto espaço de tempo, formássemos jovens cidadãos e verdadeiros fiscais do uso racional da água”, explica Cristiane Potença, professora de saúde e qualidade de vida da Escola Estadual Elói Lacerda, onde mais de 250 crianças participam do projeto Água na Escola. O pequeno Emerson, de 11 anos, levou o aprendizado das aulas para casa.

“Em casa, ensino meus pais e meus irmãos que o banho tem que ser rápido, que não podemos deixar a torneira aberta e que o desperdício pode deixar o mundo inteiro sem água”, conta o jovem aluno.

A participação dos alunos no projeto Água na Escola continua até o final do mês de novembro, com ações que incluem ainda passeatas pela mobilização do uso racional da água, peças de teatro sobre o tema, workshops e feiras sobre a água envolvendo pais e alunos, além de inspeções periódicas nas escolas e moradias da comunidade. Ao final do ano letivo, a diretoria de ensino de Osasco premiará a escola que apresentar o maior número de resultados positivos dentro dessas atividades.

Sobre a Santa Bárbara:

A Santa Bárbara, empresa que há 41 anos constrói uma história de importantes realizações no cenário da engenharia brasileira. Seu início tem como marco a construção da fábrica da Cimentos Cauê, em Pedro Leopoldo/MG, uma indústria que se tornou referência nacional no seu segmento.

Hoje, já são mais de mil obras espalhadas por todo o país, desenvolvidas dentro do padrão de qualidade, excelência e confiança da marca. Com uma receita de R$ 216 milhões no último ano, a empresa prevê crescer mais de 60% em 2008, ultrapassando a marca de R$ 500 milhões em faturamento até o final do ano.

Fonte: LVBA Comunicação

Compartilhar nas Redes Sociais

Comentários

Daniel César dos Santos Uchôa

 postado: 5/11/2008 16:53:19editar

Olha eu achei isso muito interessante...!!Espero q esse projeto chegue aki em Manaus...!!e em todos os estados..!!

 

Pedro Nastri

 postado: 22/11/2008 11:05:04editar

Excelente iniciativa. Temos um projeto voltado aos alunos da rede pública de ensino (S.P), sobre a cosncientização do destino ecologicamente correto do óleo de cozinha usado. Estamos à procura de parceiros para poder levar este projeto para todo o estado. A futura geração agradece.
Pedro Nastri

 

Lilian Chambi

 postado: 9/12/2008 14:41:00editar

Há muito tempo que essa é uma preocupação minha também, porém aqui em Campo Grande, MS não encontrei nada a respeito, mas se puder passar mais informações, agradeço. Sou professora de Matemática da Rede Pública Municipal.

 

MICHELLE

 postado: 2/3/2009 09:02:17editar

OLÁ!, TENHO DESENVOLVIDO TRABALHOS VOLTADOS PARA O MESMO OBJETIVO, GOSTARIA DE SABER COMO ADQUIRIR AS 6 REVISTINHAS DE CAPACITAÇÃO.
ACREDITO FIELMENTE QUE A SOLUÇÃO ESTÁ NAS CRIANÇAS DO BRASIL!

 

Jeane Moura

 postado: 11/3/2009 19:21:08editar

sou professora do 5 ano do ensino fundamental gostaria de saber mais sobre o projeto e como aplica-lo em minha turma.

 

lane

 postado: 29/3/2009 22:38:09editar

gostaria de ler sobre esse projeto.

 

Wilson Passeto

 postado: 3/4/2009 15:49:57editar

Os interessados em mais informações podem acessar o website www.aguanaescola.org.br.
Podem também acessar www.aguaecidade.org.br
A Santa Bárbara está estudando replicar o programa na orla da Represa de Guarapiranga na região sul de São Paulo. Observem no website as ações que vão começar em Niterói RJ.
Apenas na Região Metropolitana de São Paulo já foram capacitados em curso de 20 horas quase 600 professores (no Brasil e na Costa Rica mais de 1.800)desde o ano de 2004. Já foram envolvidas 190 escolas e um total de 90.000 alunos apenas do 6 ano (5 série).
Cada criança recebe do professor um conjunto de seis Revistas em Quadrinhos durante o ano letivo para acompanhar o curso. Elas levam o conhecimento e as práticas para as suas famílias.

 

Neuza

 postado: 3/6/2009 22:02:50editar

Gostaria de saber mais sobre o projeto. Desenvolvemos um projeto na área de educação ambiental. Em 2008 nosso tema foi Lixo Escolar - è Preciso ação para que haja transformação. Este ano de 2009 estamos focando o Tema - " Água, um bem de todos". Nosso projeto é denominado Agindo e Construindo e nosso grupo é " Amigos do Planeta."

 

MARIA JULIANE

 postado: 8/6/2009 16:46:33editar

Muito legal. Há um desperdício de agua no mundo vamos economizar, este site é muito legal

 

ELAINE

 postado: 10/7/2009 08:50:17editar

A atitude destes educadores é louvavel,pois a conscientização a respeito deste bem tão precioso é de extrema relevância para que possa haver uma mudança de comportamento entre os nossos pequeno cidadãos e que estes possam,além de serem multiplicadores sejam reverência para muitos,podendo desta forma transformar a atitudes dos que estão a seu redor,em relação a preservação da água.
Gostaria receber mais informações a respeito deste projetos,principalmente quais as escolas que desenvolveram o mesmo,pois estou elaborando um trabalho científico a este respeito e se possível até fazer algumas visitas para conhecer melhor o trabalho que desenvolveram.
Resido proxímo a Osasco,no município de Cotia.

 

eloisa

 postado: 19/7/2009 15:57:46editar

Eu acho muito legal. Tenho 10 anos e vou fazer um trabalho sobre esse projeto com a professora , Mari Isalete Coelho

 

rodrigoboufleur

 postado: 14/5/2010 08:05:16editar

Acho que é muito legal, porque faz nos poupar agua para termos sempre.
boa sorte!!!!!

 

thais

 postado: 22/8/2010 21:45:58editar

Eu acho que a gente tem que pensar mais. Porque sem a agua não tem vida.
Sem ela nos morreremos!

 

M Dolores Souto Cordeiro

 postado: 10/9/2010 09:09:05editar

Temos que pensar e agir,economizar, esse liquido precioso,bem comum de todos.Em casa já faço o reuso da mesma,e procuro conscientizar meus alunos e amigos.Farei um projeto em sala de aula.

 

Deusa Amaral

 postado: 30/9/2010 13:01:43editar

Estou aprendendo montar um projeto . Adorei ler o de vocês. Tudo o que se refere ao consumo e preservação da água e do meio ambiente , me interessa. Quero montar um projeto pro curso de química que estou fazendo e aplicá-lo aqui. Deusa ,Mucuri- T. Otoni

 

simaper

 postado: 20/2/2011 17:16:29editar

Muito legal, mesmo!

 

magali marinho

 postado: 14/3/2011 21:57:30editar

Graças ao empenho de cidadãos conscientes,é que ainda temos esperança de melhorar-mos e salvar o nosso planeta.o uso inadequado dos recursos naturais,tem causado diversos reflexos negativos ao equilíbrio do meio ambiente.A mudança de hábito é o melhor caminho para a manutenção da vida na terra.
Quero parabenizar a matéria e dizer que o Projeto água na escola, é maravilhoso e fico honrada em falar desta equipe espetacular-Água e Cidade! Tive o previlégio de trabalhar com estes CIDADÃOS comprometidos,no Arquipélago de Fernando de Noronha,PE.e agora estaremos desenvolvendo o projeto no interior de Pernambuco-Cidade de GRAVATÁ.Vamos divulgar e apoiar este projeto,que é uma referência sócio -educativa,como também é um grito de alerta permanente.Magali marinho Luna-Pedagoga,educadora ambiental,mobilizadora social e voluntária da água,um abraço e parabéns pela matéria

 

Sandra Gonçalves Ferreira

 postado: 10/9/2011 10:06:40editar

Muito interessante e inteligente. Sou professora da rede pública municipal e gostaria de saber mais sobre o projeto, pois foi proposto para trabalharmos com nossos alunos. Estou pensando em montar um teatrinho, talvez possam me ajudar. Obrigada.

 

 

Veja também

Representantes das Américas discutem em Foz do Iguaçu o futuro da águaProjeto SITIMI: Sistema Inovachuva Tecnologias Inovadoras e Metodologias Inéditas para Captação, Manejo e Gerenciamento de Água da Chuva

 

editar    editar    editar    6.190 visitas    18 comentários