Aquário de São Paulo ganha ala de mamíferos e vários filhotinhos

A proposta é conscientizar a população a respeito da destruição do habitat desses animais.

  
  

Pequenos e fofinhos. Esses são, no mínimo, dois dos adjetivos que serão ouvidos nos corredores do Aquário de São Paulo (região sul da capital paulista) nos próximos meses. O motivo se explica: acabou de chegar ao local uma nova leva de filhotinhos - vá logo visitá-los, antes que eles cresçam.

Para abrigar "bebês" de lontra, macaco bugio, tamanduá-mirim e lobo marinho - além do peixe-boi que está em exibição desde dezembro -, foi construída uma ala especial de mamíferos. Além deles, há ainda tucanos da espécie toco e do bico verde que completam a lista dos mais recentes animais adquiridos pelo aquário.

Segundo Anael Fahel, diretor do complexo, a proposta é conscientizar a população a respeito da destruição do habitat desses animais. Lipe, como é chamado o filhote de tamanduá-mirim, é um desses casos: com apenas seis meses de vida, saiu do centro de reabilitação de Parintins (AM) depois de ter perdido a mãe durante um ataque de um cão doméstico.

Fonte: Ambiente Brasil

  
  

Publicado por em