Cientistas descobrem primeira ave canora asiática em um século

Um pássaro quase careca descoberto no Laos é a primeira nova espécie de ave canora (distinta pelo canto) registrada na Ásia nos últimos 100 anos.

  
  

Um pássaro quase careca descoberto no Laos é a primeira nova espécie de ave canora (distinta pelo canto) registrada na Ásia nos últimos 100 anos, informou a WCS (Wildlife Conservation Society) na última quarta-feira (29).

O pássaro foi identificado por cientistas da WCS e da Universidade de Melbourne, segundo um comunicado divulgado pela WCS.

A descoberta foi publicada na edição de julho da revista "Forktail", especializada em pássaros orientais.

"Este estudo descreve uma nova espécie canora asiática pela primeira vez em 100 anos", escreveram os cientistas, que viram o animal pela primeira vez em picos rochosos da província de Savannakhet, no Laos, no fim do ano passado.

A ave, batizada de búlbulo de cara pelada, não é completamente careca, mas apresenta uma fina linha de penas parecidas com cabelo no centro da parte superior da cabeça, como um topete. Seu rosto rosado não tem penugem e seus olhos são rodeados por uma coloração azul, descreve a WCS.

"Sua aparente preferência por habitats inóspitos ajuda a explicar por que um pássaro tão extraordinário, de hábitos notáveis e canto distinto permaneceu desconhecido por tanto tempo", estima Iain Woxvold, cientista da Universidade de Melbourne que integrava a equipe de pesquisadores responsável pela descoberta.

Os picos rochosos são um dos ecossistemas menos estudados do sudeste asiático, destaca o artigo publicado na "Forktail".

Fonte: Ambiente Brasil

  
  

Publicado por em