Cadernos Tématicos abordam coleta seletiva em comunidade catarinense

Com um artigo sobre a coleta seletiva de lixo na periferia de Florianópolis, foi lançada em Santa Catarina, nesta segunda-feira (11) a série Cadernos Temáticos, publicação da Secretaria de Educação P

  
  

Com um artigo sobre a coleta seletiva de lixo na periferia de Florianópolis, foi lançada em Santa Catarina, nesta segunda-feira (11) a série Cadernos Temáticos, publicação da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec/MEC). O lançamento ocorreu na unidade de São José do Centro Federal de Educação Tecnológica (Cefet).

Os gestores do projeto de coleta contaram com o apoio do curso técnico em meio ambiente do Cefet-SC para a realização de uma pesquisa avaliativa de desempenho. Em 2003, a comunidade de Ratones, distrito ao norte da Ilha de Santa Catarina, pediu a inclusão no programa de coleta seletiva. Mais do que um atendimento à comunidade, era a oportunidade de implantar um projeto-piloto afinado com as reivindicações do movimento nacional de catadores - a inclusão e o reconhecimento como classe trabalhadora.

A partir de então, mobilizou-se o grupo gestor para elaborar o projeto Joaninha; Ratones Limpo, numa alusão ao inseto, conhecido por combater algumas pragas. As ações previam o trabalho com os catadores locais, suporte técnico na operação e educação ambiental para a população. A pesquisa do Cefet-SC foi realizada com moradores, catadores, compradores de materiais recicláveis, indústria e comércio local. Com base nas informações levantadas foi possível determinar a viabilidade e a continuidade do projeto. A pesquisa também alertou para a necessidade de orientações periódicas aos cidadãos, além do acompanhamento técnico para melhoria no desempenho das atividades dos catadores e da população.

Para a realização da segunda fase do projeto, duas bolsas de estágio foram abertas, de forma a permitir o ingresso de alunos no mercado de trabalho na área de resíduos sólidos e de projetos sociais. As atividades de educação ambiental formalizaram-se com a capacitação das agentes de saúde nas questões relacionadas a resíduos sólidos, saúde e cidadania.

Fonte: Agência Brasileira de Notícias

  
  

Publicado por em