Notícias > Ambiente > Nosso Planeta > 

Empresa transforma óleo de fritura em biodiesel

O óleo de cozinha é um resíduo altamente poluidor. Basta um litro de óleo para se poluir um milhão de litros de água. A saída encontrada para resolver esse problema ambiental e ainda gerar renda foi apresen

10 de Outubro de 2007.
Publicado por Vininha F. Carvalho  

O óleo de cozinha é um resíduo altamente poluidor. Basta um litro de óleo para se poluir um milhão de litros de água. A saída encontrada para resolver esse problema ambiental e ainda gerar renda foi apresentada na terça-feira (9/10), na 2ª Enerbio, durante o Seminário de Fomento à Microprodutores de Etanol e Biodiesel, realizado em Brasília (DF).

A solução para aproveitar esse resíduo é transformá-lo em energia, ou seja, em biodiesel. É por isso que surgiu recentemente em Brasília um projeto de catadores de óleo de fritura implantado pela Eco Brasília Diesel (Ecobras). Na Enerbio, o diretor de marketing da empresa, Oswaldo Ricci, mostrou a campanha que a Ecobras desenvolve.

Segundo Ricci, a empresa tem educado e conscientizado a população sobre a importância de doar o óleo de cozinha aos catadores. “Essa é uma forma de não reaproveitá-lo para cozinhar, porque isso faz mal à saúde, e de não despejá-lo na pia, acarretando danos ao meio ambiente”, explica.

Atualmente, a Ecobras já coleta 3,5 mil litros de óleo saturado por dia e gera 80 empregos diretos. O projeto já conta com a participação de 1,2 mil estabelecimentos comerciais do Distrito Federal comprometidos com a doação do óleo usado para os catadores.

A usina que transformará esse resíduo em combustível deverá funcionar no início de janeiro de 2008. De acordo com Ricci, os responsáveis pelo recolhimento do produto já estão em treinamento para fazer o refino do óleo antes de o levarem para o processamento.

Inicialmente, a usina vai produzir cerca de 50 mil litros de biodiesel por dia, podendo atingir a produção máxima que é de 200 mil litros/dia. Espera-se que um terço da produção de biodiesel seja proveniente da transformação do óleo de cozinha usado. O restante deverá ter origem nos grãos provenientes da agricultura familiar apoiada pelo projeto.

Com a usina em funcionamento, a expectativa é gerar ao final de três anos cerca de 250 empregos diretos e renda para dez mil famílias, por meio de programas de agricultura familiar.

Informações - www.enerbio.com.br

Fonte: Sebrae

Del Valle Editoria

Contato: vininha@vininha.com

Site: www.animalivre.com.br

Compartilhar nas Redes Sociais

Comentários

luane de jesus silva

 postado: 28/8/2008 21:52:25editar

gostei muito me intereçou bastante

 

FABIANO SILVA

 postado: 17/12/2008 10:23:28editar

Estou realizando um projeto para recolher óleo usado, já tenho uma boa quantidade armazenada e gostaria de vendê-lo.

Sou de Jundiaí SP. Meu e-mail é fabianojds@gmail.com

Se houver alguém interessado em comprar, que retire no local, favor entrar em contato.

 

cesar

 postado: 11/5/2009 11:23:41editar

Preciso comprar biodisel para frota de caminhões.Onde acho?

Obrigado

Sou de Jundiai

 

 

Veja também

Anuário reúne informações sobre cadeia do biodieselArtistas nacionais e internacionais aderem ao Greenpeace Manifesto em Defesa do Clima

 

editar    editar    editar    536 visitas    3 comentários