Viaje quase de graça com Milhas Aéreas

Notícias > Ambiente > Nosso Planeta > 

Empresas multinacionais prometem cortar emissões de carbono

Uma dúzia de grandes corporações prometeram na quinta-feira (01/2) reduzir em 10 milhões de toneladas ao ano suas emissões coletivas de dióxido de carbono (CO2), a principal causa do aquecimento global. O an&uacut

2 de Fevereiro de 2007.
Publicado por Vininha F. Carvalho  

Uma dúzia de grandes corporações prometeram na quinta-feira (01/2) reduzir em 10 milhões de toneladas ao ano suas emissões coletivas de dióxido de carbono (CO2), a principal causa do aquecimento global. O anúncio foi feito pela organização ambientalista Fundo Nacional para a Natureza (WWF, na sigla em inglês).

Sony, Nike, IMB, Lafarge, Polaroid e outras sete grandes multinacionais informaram que irão cumprir sua promessa de corte do carbono até 2010. "Se outras 1,3 mil grandes companhias se unirem a esse esforço, as metas de Kioto para o mundo industrializado seriam alcançadas", informaram as empresas, apelidadas pelo WWF de "Salvadoras do Clima", em um comunicado conjunto.

O Protocolo de Kyoto, que expira em 2012, é o único tratado internacional que fixa metas para limitar a poluição pela queima de combustíveis fósseis, que causam o efeito estufa. O tratado se enfraqueceu desde o abandono, em 2001, dos Estados Unidos, responsáveis por quase um quarto de todas as emissões globais de carbono.

"Combater a mudança climática pode abrir oportunidades de negócios", disse Hans Verolme, diretor do Programa de Mudança Climática do WWF. "As companhias mostram que o desenvolvimento sustentável" não é inconsistente com o lucro, afirmou.

O compromisso corporativo para ajudar a salvar o planeta ocorre em meio a uma corrida por iniciativas corporativas e governamentais para reduzir o aquecimento climático.

O anúncio foi marcado para coincidir com a publicação, nesta sexta-feira, do quarto relatório do Painel Intergovernamental da ONU sobre Mudança Climática (IPCC, na sigla em inglês).

Fonte: AFP

Del Valle Editoria

Contato: vininha@vininha.com

Compartilhar nas Redes Sociais

Comentários


 

Veja também

Brasil estuda nomear embaixador para lidar com Mudanças ClimáticasEstudo traça cenário de mudanças climáticas no Brasil para os próximos 50 anos

 

editar    editar    editar    143 visitas    0 comentários