Saiba como ajudar as vítimas das chuvas do Rio

A assistência social do estado ainda não disponibilizou uma conta bancária para que cidadãos de outras localidades possam ajudar aos desabrigados, mas quem está no Rio de Janeiro pode fazer doações de donativos em vários pontos

  
  
Milhares de pessoas ficaram desabrigadas devido as fortes chuvas no Rio

“Estava na casa quando tudo veio a baixo e machuquei o pescoço e o braço. Foi tudo muito rápido. Acordei com o estrondo, mas ainda consegui retirar minha filha que estava lá dentro. O que já foi um milagre, pois tudo que eu tinha ficou soterrado e perdi minha casa”, lamentou à Agência Brasil, em meio às lágrimas e incertezas do futuro, Cleonice Cândida dos Santos, uma das feridas nos desabamentos causadas pela forte chuva, em Angra dos Reis, Rio de Janeiro.

A casa número 211, em que ela morava com o marido, Josias Domingo dos Santos e a filha Joyce, de 6 anos, foi totalmente destruída por um deslizamento de terra.

Cleonice não está sozinha. As chuvas afetaram cerca de 200 mil pessoas em todo o estado do Rio de Janeiro nesses últimos dois dias. São cerca de 2.500 pessoas que perderam suas casas ou as abandonaram temporariamente, além de outras 2.300 removidas pelos agentes públicos devido aos riscos em suas residências.

Embora a tragédia tenha sido anunciada, como assinalou o especialista em geotécnica do departamento de engenharia civil da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), Alberto Sayão, os atingidos pelas chuvas necessitam, nesse momento, de muito mais do que políticas públicas, mas de solidariedade.

Doações
Por enquanto, quem quiser ajudar as vitimas da chuva terá de se contentar com participações in loco. A assistência social do estado ainda não disponibilizou uma conta bancária para que cidadãos de outras localidades possam ajudar aos desabrigados, mas quem está no Rio de Janeiro pode fazer doações de donativos em vários pontos.

Além das sedes da Secretaria de Assistência Social, locais como o Inmetro e a escola de samba Acadêmicos da Grande Rio cederam espaço para receber itens como alimentos não perecíveis, roupas, calçados, itens de higiene pessoal, roupas de cama e colchonetes.

Locais para doações:

Secretaria de Assistência Social
Endereço: Av. Brigadeiro Lima e Silva, 1618, bairro 25 de Agosto, Duque de Caxias – RJ
Telefone: (21) 2672-6652

Sindicato Estadual dos Profissionais da Educação (Sepe)
Endereço: Rua Conde de Porto Alegre, 131, bairro 25 de Agosto, Duque de Caxias – RJ

Acadêmicos do Grande Rio
Endereço: rua Wallace Soares, números 5 e 6, no centro de Duque de Caxias
Funcionamento: Aberta diariamente, das 8h às 20h. Nesta quinta-feira, as entregas poderão ser feitas até as 22h.
Telefone (21) 9457-0573.

Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro)
Xerém - Avenida Nossa Senhora das Graças, 50 - (21) 2679-9001
Rio de Janeiro – Rua Santa Alexandrina, 416 - Rio Comprido - (21) 2563-2800

Museu Ciência e Vida
Endereço: Rua Aílton da Costa, s/n – Bairro 25 de Agosto – em Duque de Caxias.
Telefone: 2671-7797.
Funcionamento: de terça a sábado, das 9h às 17h e domingo e feriados, das 13h às 17h.

Fonte: Portal EcoD

  
  

Publicado por em