Petrobras assina convênio para preservação do maior peixe do Brasil

A Petrobras Transporte S.A. (Transpetro) assinou no 10/1, convênio com a organização não-governamental Vida Mar, de São Francisco do Sul (SC), para preservação do mero no litoral do estado. A iniciativa conta com apoio da Universidade do Vale do

  
  

A Petrobras Transporte S.A. (Transpetro) assinou no 10/1, convênio com a organização não-governamental Vida Mar, de São Francisco do Sul (SC), para preservação do mero no litoral do estado. A iniciativa conta com apoio da Universidade do Vale do Itajaí (Univali) e da empresa de mergulho Sub-Marine.

Denominado `Meros do Brasil`, o convênio concentra diversas ações ambientais de preservação do maior peixe do Brasil ao longo do litoral catarinense e do sul do país, como estudos de população e biologia da
espécie, elaboração de mapa para identificação de locais de agregações reprodutivas, campanhas públicas de conscientização e incentivo a programas de turismo ecológico e educação ambiental. Entre os públicos a serem trabalhados estão pescadores, estudantes, crianças e lideranças comunitárias.

O mero é um peixe da família dos serranídeos. Habita as águas tropicais dos oceanos Atlântico e Pacífico. Tem corpo robusto e olhos pequenos. Quando adulto pode atingir até três metros de comprimento. Pode viver 40 anos e ocorre em ambientes de até 100 metros de profundidade.

Com 4 a 7 anos de idade concentra-se perto da foz de grandes rios e se alimenta de lagostas,polvos e peixes menores. No período reprodutivo agrega-se próximo de parcéis, ilhas e costões rochosos.

A espécie está ameaçada de extinção e sua pesca é proibida em diversos pontos do oceano Atlântico. No Brasil está protegida pela portaria nº121, de julho de 2002, do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama), que proíbe sua captura, posse, transporte e comercialização.

O órgão concedeu um prazo de cinco anos para estudos mais aprofundados que venham a subsidiar futuras medidas de proteção.

Maiores informações com Thiago Dias (47) 426-8831/9964-3971

Fonte: Ass Imprensa Coord Regional de Com.São Paulo-Sul

  
  

Publicado por em

FABIO S. FRANZI

FABIO S. FRANZI

06/12/2008 19:48:49
SE EXEMPLOS COMO ESSES NÃO FOREM FEITOS POR TODOS, PERDEREMOS MUITAS ESPÉCIES NÃO SÓ DE PEIXES, MAS TAMBEM DE OUTROS ANIMAIS!!!
A CONCIENTIZAÇÃO DEVE SER PARA TODOS.
FABIO SANCHES FRANZI
FERNANDÓPOLIS-SP
ENG AGRONOMO.