Produtor de energia emergencial quer auxiliar o governo na formulação de novo modelo energético

O presidente da ABPEE - Associação Brasileira dos Produtores de Energia Emergencial, José da Costa Carvalho Neto, disse na terça-feira (13/5), após reunião com a ministra de Minas e Energia, Dilma Rousseff, que a entidade está à disposição do ministério p

  
  

O presidente da ABPEE - Associação Brasileira dos Produtores de Energia Emergencial, José da Costa Carvalho Neto, disse na terça-feira (13/5), após reunião com a ministra de Minas e Energia, Dilma Rousseff, que a entidade está à disposição do ministério para auxiliar na formulação do novo modelo energético do país.

Ele acrescentou que foi apresentado à ministra um programa para desenvolvimento do biodiesel no país, observando que a maior parte das usinas emergenciais instaladas utiliza o diesel como combustível.

"No lugar de importar diesel, vamos produzir o combustível aqui mesmo. Será um programa propulsor de renda e de geração de 500 mil a um milhão de empregos no país, refletindo na balança de pagamentos brasileira. A idéia é que seja um projeto integrado com o ministério", disse.

A ministra agendou uma nova reunião para o fim deste mês. O programa também funcionará como uma reserva estratégica de energia para o Brasil, destacou, lembrando que o biodiesel, pode chegar a valor melhor que o do diesel convencional, sendo o combustível do futuro. A reunião da ABPEE com a ministra foi fechada à imprensa.

Fonte: Agência Brasil

  
  

Publicado por em