Projeto prevê vacina contra aftosa gratuita ao pequeno produtor

Produtores rurais com rebanho inferior a 50 bovinos podem passar a receber gratuitamente vacinas contra febre aftosa diretamente do governo federal. A proposição faz parte do Projeto de Lei 158/03, de autoria do Deputado Inocêncio Oliveira, que determi

  
  

Produtores rurais com rebanho inferior a 50 bovinos podem passar a receber gratuitamente vacinas contra febre aftosa diretamente do governo federal.

A proposição faz parte do Projeto de Lei 158/03, de autoria do Deputado Inocêncio Oliveira, que determina a obrigatoriedade do fornecimento, pelo governo federal,de vacinas contra febre aftosa aos produtores de gado e/ou búfalos que se enquadrem no Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) ou cujo rebanho seja inferior a 50 cabeças.

A justificativa para tal projeto está na necessidade da completa e definitiva erradicação da febre aftosa no Brasil, atendendo as exigências do mercado internacional de carnes.

Conforme justificação que consta no Projeto de Lei, não há outro investimento público na pecuária brasileira que dê retorno tão elevado quanto a erradicação de doenças infecciosas, como a febre aftosa.

Segundo Sebastião Guedes, consultor do Sindan (Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para Saúde Animal), esse projeto merece uma análise minuciosa por parte do parlamento.

A entidade aguarda a votação do Projeto de Lei, que se
encontra nas comissões de Agricultura e Política Rural da Câmara dos Deputados, com prazo para emendas encerrado.

Fonte: Texto Assessoria de Comunicações

  
  

Publicado por em