Air Europa recebe certificação ambiental EMAS

O reconhecimento é feito às organizações que implantam, de forma voluntária, um sistema de gestão baseado em critérios socioambientais.

  
  
Entre as atividades que se destacam dentro do processo de gestão da empresa estão a diminuição do consumo de recursos naturais, em uma correta gestão de recursos, e na otimização dos procedimentos para reduzir tanto ruídos como a emissão de poluentes/Divulgação

A Air Europa, companhia aérea da rede Globalia, acaba de ser reconhecida, mais uma vez, pela certificação EMAS - Eco-Management and Audit Scheme (Sistema de Gestão e Auditorias Ambientais), outorgado pela Comissão Europeia às empresas que desenvolvem atividades sustentáveis.

O reconhecimento é feito às organizações que implantam, de forma voluntária, um sistema de gestão baseado em critérios socioambientais. Neste sentido, nos últimos anos, a Air Europa avançou em seu compromisso com o meio ambiente, baseado em um crescimento sustentável, na melhora contínua, na qualidade e na modernização do serviço ao cliente, o que lhe permitiu renovar até 2018 o certificado.

Entre as atividades que se destacam dentro do processo de gestão da empresa estão a diminuição do consumo de recursos naturais, em uma correta gestão de recursos, e na otimização dos procedimentos para reduzir tanto ruídos como a emissão de poluentes.

Uma ação que reforça este posicionamento é a recente aquisição dos Boeing 787 Dreamliner, com aeronaves voando internacionalmente e previsão de operação na rota brasileira a partir de 2017.

A fabricação dessas aeronaves, com 50% de materiais mais leves, mais rápidos e resistentes que o alumínio, seus novos motores e sua aerodinâmica mais moderna permitem a redução em 20% tanto de combustível como de emissores. Além disso, seu impacto acústico é 60% inferior se comparado com aviões do seu mesmo tamanho.

Recentemente, a companhia espanhola foi reconhecida, também, pelo Prêmio CAEB-Santander Inovação Empresarial, na categoria Prêmio Inovação Empresarial do Ano pela criação do Centro de Controle de Operações (OCC na sigla em inglês), em Palma de Maiorca, e pelo avançado sistema de comunicação terra-ar datalink, que permite maior troca de dados em pleno voo.

Enrique Martín-Ambrosio, diretor-geral Brasil e Expansão América Latina da Air Europa, afirma que “a certificação EMAS reforça nossa postura e compromisso com a gestão ambiental e nos sinaliza que estamos no caminho correto. É preciso considerar que todo crescimento precisa ser, cada vez mais, sustentável, contribuindo para a construção de um mundo melhor. Não há espaço para crescimento sem sustentabilidade”.

Sobre a Air Europa:

Fundada em 1986, a Air Europa Linhas Aéreas é membro da aliança global Skyteam. É a única companhia aérea espanhola privada com mais de 25 anos de experiência em voos regulares e integra a rede Globalia, 3º maior grupo europeu de turismo e 1º da Espanha. Sua frota de 48 aeronaves (passageiros e carga) voa para 49 destinos – 15 nas Américas, 13 na Europa/Norte da África e 20 na Espanha. Há doze anos no Brasil, opera dez voos semanais para Madri: sete a partir de Guarulhos (SP), diário, e três de Salvador (BA), as terças, quintas e sábados.

Visite: www.revistaecotour.com.br

Fonte: Marcia Leite

  
  

Publicado por em