Quatro empresas estão autorizadas a vender kits para gás natural veicular

A partir de 27 de agosto, sómente as empresas Rodgás do Brasil Sistemas a Gás Ltda, Biogás Comércio e Representação Ltda, Atodogás Importação, Exportação, Comércio e Serviços Ltda e WMTM Equipamentos de Gases Ltda, estão autorizadas pelo Ibama a comercial

  
  

A partir de 27 de agosto, sómente as empresas Rodgás do Brasil Sistemas a Gás Ltda, Biogás Comércio e Representação Ltda, Atodogás Importação, Exportação, Comércio e Serviços Ltda e WMTM Equipamentos de Gases Ltda, estão autorizadas pelo Ibama a comercializar legalmente kits para o uso de Gás Natural Veicular (GNV) em veículos automotores em território nacional.

O alerta é do gerente do Programa de Controle da Poluição do Ar por Veículos Automotores (Proconve), do Ibama, Paulo Macedo.

Apenas essas quatro empresas, segundo Macedo, cumpriram todo o regulamento para a obtenção do Certificado Ambiental para Uso de GNV em Veículos Automotores (CAGN).

A regulamentação segue a resolução 291/2000 do Conselho Nacional de Meio Ambiente (Conama) e determinou o prazo no dia 26/8, para que as empresas interessadas desenvolvessem seus produtos, de modo a atender aos limites de emissão de poluentes e conseguir a homologação do Ibama.

Paulo Macedo explica que os ganhos ambientais esperados com a utilização do gás natural em veículos automotores só serão reais se os fabricantes dos kits utilizarem a tecnologia adequada de controle eletrônico do funcionamento dos motores.

`A simples conversão dos motores sem os critérios é nociva ao meio ambiente`, diz ele. Estima-se que cerca de 500 mil veículos circulem pelo país movidos a gás natural.

Fonte: Radiobras

  
  

Publicado por em