Secretaria de Meio Ambiente de Porto Alegre -RS ganha Prêmio de Gestão Ambiental

Pelo quarto ano consecutivo, a Smam - Secretaria Municipal do Meio Ambiente recebeu o prêmio Expressão Ecologia na categoria Gestão Ambiental pelo conjunto de `casos`: `Porto Alegre Mais Verde` e `Conselho de Parques e Praças: Parcerias para cuidar do qu

  
  

Pelo quarto ano consecutivo, a Smam - Secretaria Municipal do Meio Ambiente recebeu o prêmio Expressão Ecologia na categoria Gestão Ambiental pelo conjunto de `casos`: `Porto Alegre Mais Verde` e `Conselho de Parques e Praças: Parcerias para cuidar do que é nosso`. A distinção é conferida pela Revista Expressão, com sede em Florianópolis (SC), conceituada publicação sobre economia e negócios do país.

Foram 75 projetos de empresas, instituições públicas e organizações não-governamentais (ong`s) concorrendo ao 11º Prêmio Expressão Ecologia. A Smam é a instituição pública que mais venceu o concurso. Em 2000, com a Agenda Ambiental e Marketing Ecológico. Em 2001, com o Programa Áreas de Risco e Recuperação de Áreas Degradadas.

No ano passado, o projeto vencedor foi o Programa Guaíba Vive e a recuperação do Lago Guaíba.O `caso` vencedor deste ano inclui dois projetos.

`Porto Alegre Mais Verde` é um trabalho de educação ambiental desenvolvido nas escolas. O `Conselho de Parques e Praças: Parcerias para cuidar do que é nosso`, é um importante instrumento de participação e controle social na busca de qualidade de vida.

A Smam realiza mutirões para recuperação das áreas verdes públicas, envolvendo e sensibilizando os moradores do entorno de cada local para a manutenção e utilização democrática e responsável desses espaços.

O Prêmio Expressão de Ecologia foi criado em 1993 pela Revista Expressão, um ano após a Conferência Mundial do Meio Ambiente no Rio de Janeiro - Eco 92 - quando multiplicavam-se as barreiras comerciais não tarifárias que cobravam dos exportadores uma correta postura ambiental.

Na década de 80, a maioria dos empresários brasileiros reagia mal às exigências ambientais, que aparentemente apenas aumentavam seus custos.

Mas a pressão das comunidades e as multas dos órgãos ambientais eram forte fator de coerção.A idéia do prêmio era divulgar as ações ambientais das empresas e incentivar que outras seguissem o mesmo caminho.

Os organizadores estimavam que o prêmio se esgotasse em cinco anos, quando os melhores cases fossem premiados. Porém, o Prêmio Expressão de Ecologia surpreendeu e além de tornar-se o maior do país no segmento empresarial, mesclou-se com o aumento de conscientização dos empresários e novas ações ambientais eclodiram, como educação ambiental, gestão, manejo florestal, reciclagem, aterros industriais, maior mobilização de prefeituras e Ong`s. Ao longo de dez anos, foram apresentados mais de 700 projetos.

Fonte: AssCom Smam Porto Alegre/RS

  
  

Publicado por em