Greenpeace mostra a Lula a força das energias renováveis

Representantes do Greenpeace e do Fórum Brasileiro de ONGs e Movimentos Sociais (FBOMS) estiveram hoje com o Presidente Lula, para propor ao governo federal um aumento da participação das energias renováveis na matriz energética brasileira. Na ocasião

  
  

Representantes do Greenpeace e do Fórum Brasileiro de ONGs e Movimentos Sociais (FBOMS) estiveram hoje com o Presidente Lula, para propor ao governo federal um aumento da participação das energias renováveis na matriz energética brasileira.

Na ocasião, o Greenpeace entregou ao Presidente da República o primeiro exemplar do dossiê `Energia Positiva para o Brasil`, produzido com a colaboração de 13 especialistas brasileiros nas diferentes fontes renováveis de eletricidade e combustíveis. Contendo 76 páginas, o estudo traça um perfil do setor das energias renováveis no País, descrevendo as diversas tecnologias disponíveis, seu grau de desenvolvimento no Brasil e seu potencial de utilização por aqui.

`Preocupados com a sustentabilidade de nossa matriz energética, procuramos dar respostas sociais, econômicas e ambientais para a questão da diversificação e aumento da oferta de energia.

Pedimos aos especialistas que abordassem aspectos como o número de empregos que podem ser gerados pela energias renováveis, o volume de recursos que precisam ser investidos nesse setor, a capacidade de movimentação da nossa economia que essas fontes podem provocar, o tamanho potencial do mercado de exportação de nossos produtos e tecnologias na área`, disse Gladis Éboli, diretora de Comunicação do Greenpeace.

O dossiê foi dividido em nove capítulos e aborda as energias eólica (dos ventos), solar (fotovoltaica, que transforma a luz do Sol em eletricidade) e de biomassa (dos biocombustíveis, como o álcool ou o biodiesel, ao biogás, de lixo ou de estrume). Atenção especial foi dada, também, aos aspectos de eficiência energética e conservação de eletricidade e combustíveis.

`Precisamos atender às nossas necessidades crescentes de energia de uma maneira que não comprometa o meio ambiente, a saúde da população e a economia do País. O Brasil tem a oportunidade de enveredar por um caminho mais limpo, seguro, moderno e sustentável ao invés de optar por tecnologias ultrapassadas e perigosas como a nuclear ou a do carvão mineral`, afirmou Sérgio Dialetachi, coordenador da Campanha de Energia do Greenpeace

O dossiê `Energia Positiva para o Brasil` é parte da expedição que o Greenpeace está promovendo por 21 Estados para a promoção das energias renováveis, e pode ser `baixado` do site da entidade: www.greenpeace.org.br/tour2004_energia/downloads/dossie_energia_2004.pdf` class=`url` target=`_blank`>http://www.greenpeace.org.br/tour2004_energia/downloads/dossie_energia_2004.pdf

Fonte: Greenpeace

  
  

Publicado por em