Rio Grande do Norte vai ganhar a sua primeira usina eólica

A primeira usina eólica do Rio Grande do Norte deverá entrar em operação em dezembro deste ano. A Petrobras assinou na (14/7) contrato com a Wobben Windpower - subsidiária da Enercon alemã - para a instalação do parque com três aerogeradores de 1,8 MW (60

  
  

A primeira usina eólica do Rio Grande do Norte deverá entrar em operação em dezembro deste ano. A Petrobras assinou na (14/7) contrato com a Wobben Windpower - subsidiária da Enercon alemã - para a instalação do parque com três aerogeradores de 1,8 MW (600 kw, cada um).

Os investimentos totalizam R$ 6 milhões.A energia obtida na usina será conectada à rede da COSERN - Companhia Energética do Rio Grande do Norte e utilizada pela Petrobras em suas unidades de Macau e Campo da Serra, que consomem cerca de 38 MW.

O diretor de Gás e Energia da Petrobras, Ildo Sauer, disse que o parque eólico do estado potiguar é o primeiro de uma série de projetos que estão sendo desenvolvidos pela Gerência de Energia Renovável da empresa. Também já está em fase de consulta para licitação a instalação de mais duas usinas, uma no Rio Grande do Sul e outra no Rio de Janeiro.

Segundo Sauer, atualmente a estatal destina apenas 0,5% de seu orçamento anual, de cerca de US$ 7 bilhões, para projetos com fonte de energia renovável, mas o percentual pode ser alterado para cima na revisão que a diretoria vem fazendo do plano estratégico e do orçamento para os próximos anos”, acrescentou o diretor.

Fonte: Agência Brasil

  
  

Publicado por em