Unicamp cria antiinflamatório com base em planta brasileira

A erva-baleeira (Cordia verbenacea) , usada por pescadores no litoral das regiões Sul e Sudeste, é a matéria-prima do medicamento. Também é chamada de erva-da-praia e maria-milagrosa. O creme surgiu de uma pesquisa realizada pelo CPQBA (Centro Pluridis

  
  

A erva-baleeira (Cordia verbenacea) , usada por pescadores no litoral das regiões Sul e Sudeste, é a matéria-prima do medicamento. Também é chamada de erva-da-praia e maria-milagrosa.

O creme surgiu de uma pesquisa realizada pelo CPQBA (Centro Pluridisciplinar de Pesquisas Químicas, Biológicas e Agrícolas) da universidade. O princípio ativo da planta foi descoberto em 2001 e se chama alfa-humuleno.

O creme terá o nome comercial de Acheflan e é eficaz para casos de dores musculares. A erva é natural da mata atlântica e mais freqüente no litoral que vai de São Paulo a Santa Catarina.

O creme teve liberação da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), que classificou o produto na classe dos fitomedicamentos, que são fármacos que têm em sua composição apenas substâncias ativas extraídas de plantas, sem a mistura de princípios ativos sintéticos.

Segundo o coordenador da Divisão de Agrotecnologia do CPQBA, Pedro de Magalhães, são necessários 800 kg da erva para a obtenção de 1 litro de óleo essencial, que é o princípio do creme.

Foram plantados 12 hectares da erva no centro de pesquisas da Unicamp em Paulínia (SP), para garantir a extração de 120 litros anuais de óleo, suficientes para atender à produção durante esta fase de lançamento do produto.

Os pesquisadores precisaram de oito anos de esforços para adaptar o vegetal às novas condições de plantio, adequadas à produção do medicamento.

O equipamento utilizado na produção do óleo custou R$ 240 mil. O valor foi partilhado igualmente pela Unicamp e pelo Laboratório Aché --que comercializará o medicamento.

Fonte: Unicamp

  
  

Publicado por em

Arnaldo Jossé Cerri

Arnaldo Jossé Cerri

16/10/2008 23:41:24
Gostaria de saber se este Laboratorio Aché tem interesse em adquirir erva baleeira produzida pelo sistema orgânico e qual o contato para oferecer a erva.

Obrigado

Arnaldo

Equipe EcoViagem

Equipe EcoViagem

Arnaldo. Somos do EcoViagem. Recomendo que você entre em contato direto com o Laboratório ACHÉ. Abs