14º Raid de Inverno desbravará uma das rotas dos bandeirantes

Os competidores do 14º Raid de Inverno, que acontece no dia 19 de julho, passarão por cidades paulistas que fizeram parte de uma das rotas dos bandeirantes, desbravadores do sertão de Goiás e Mato Grosso que partiam do interior paulista via Rio Tietê.

  
  

Os competidores do 14º Raid de Inverno, que acontece no dia 19 de julho, passarão por cidades paulistas que fizeram parte de uma das rotas dos bandeirantes, desbravadores do sertão de Goiás e Mato Grosso que partiam do interior paulista via Rio Tietê.

Em Santana de Parnaíba, primeira cidade do roteiro, o turista encontra um pouco da história do Estado de São Paulo; já Pirapora do Bom Jesus caracteriza-se pelo turismo religioso; e em Cabreúva, os amantes da natureza podem se divertir na Serra do Japi.

Estas três cidades também fazem parte do recém-criado Caminho do Sol, inspirado no Caminho de Santiago de Compostela(Espanha. Em Santana de Parnaíba, distante 35 quilômetros da capital paulista, ainda é possível encontrar festas tradicionais e a cidade conserva casarões coloniais em taipa com arquitetura original, tombados pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Artístico, Arqueológico e Turístico (Condephaat).São 209 edificações dos séculos XVII, XVIII e XIX, distribuídas por três ruas no centro histórico de Santana de Parnaíba.Entre estas construções, está um exemplar de uma casa urbana dos bandeirantes que, acredita-se, foi a residência de Bartolomeu Bueno da Silva, o Anhangüera.

Além deste patrimônio histórico, a cidade também abriga a barragem da primeira usina hidrelétrica da Light no Brasil, que foi inaugurada em 1901 e desativada na década de 50.

Saindo de Santana de Parnaíba, os competidores do Raid de Inverno seguem para Pirapora do Bom Jesus, cidade bastante conhecida pelo turismo religioso, que recebe romarias durante todo o ano e milhares de peregrinos.

A cidade até construiu o Portal dos Romeiros, cartão postal e um dos locais preferidos pelos visitantes.Além do portal, os fiéis também podem conhecer a Igreja Matriz, com arquitetura jesuíta e afrescos de arte sacra de 1902;a Capela do Seminário Premonstratense (da Ordem de Santo Agostinho), de 1928, esculpida à mão e que guarda obras de arte em estilo gótico; a Casa dos Milagres, construída em 1902; a Cruz do Século, de onde os turistas têm uma visão panorâmica de cidade; e a Fonte dos Milagres, que simboliza as graças alcançadas pelos fiéis.

Pirapora também reserva emoções para os adeptos de esportes radicais. O Morro da Capuava possui um complexo esportivo com pistas de motocross e mountain bike, paredão de pedras ideal para prática de rapel e rampas para vôos de asa delta e paraglider.

A chegada do 14º Raid de Inverno será em Cabreúva, no Parque Aquático Village Cabreúva, que tem área para camping e 80 chalés que podem ser alugados pelos competidores. Cabreúva, que fica na margem direita do Rio Tietê, já foi conhecida como a “Terra da Pinga”, pois o cultivo da cana-de-açúcar levou à instalação de muitos engenhos de cachaça na região.

A cidade também é destino dos amantes da natureza, que encontram na Serra do Japi (que também se estende pelos municípios de Jundiaí, Pirapora e Cajamar) cerca de 20 mil hectares de Mata Atlântica e outros tipos de vegetação, além de abrigar vasta fauna, com 216 espécies de aves, 31 de mamíferos, entre outras.

Hoje, a Serra do Japi é tombada pelo Condephaat, mas seu território já foi utilizado para plantio de cana-de-açúcar, cultivo de café, plantio de uva e suas árvores também foram transformadas em carvão vegetal e lenha para alimentar as ferrovias.

Inscrições abertas até o dia 17 :

O 14o Raid de Inverno é promovido pelo Jeep Clube do Brasil e suas inscrições estão abertas até o dia 17, com limite máximo de 80 veículos.

Para participar, os interessados devem ligar para a sede da entidade em São Paulo - (11) 3277-5082 - ou comparecer ao local (Rua Conselheiro João Alfredo, 206, Mooca), ou ainda, visitar o Ponto Off Road, encontro dos
apaixonados por fora de estrada que acontece todas as quintas-feiras em São Paulo, a partir das 18 horas, na rua Curitiba, 290.

A competição é organizada em parceria com a Mesa 4 Comunicações e conta com o patrocínio da Bardahl e da Goodyear.

Sócios do Jeep Clube pagam R$ 40,00 por carro, não filiados à entidade pagam R$ 80,00 por veículo e quem quiser ir de “Zequinha” (acompanhante) paga R$ 30,00.

Todos os veículos inscritos receberão um kit completo do raid, com camisetas, bonés, adesivos, testeira, número de porta, capa de estepe, além de jantar no Parque Aquático Village Cabreúva, que também colocará o camping à disposição para quem quiser pernoitar no local.

Fonte: ZDL de Comunicação

  
  

Publicado por em