Atleta mineiro recebe apoio de Lula em viagem pela paz

O atleta mineiro Rodrigo Fiúza, de 30 anos, esteve nesta quinta-feira no Palácio do Planalto para uma rápida audiência com o Presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Rodrigo recebeu a assinatura do líder do governo brasileiro na mensagem de paz que o atleta

  
  

O atleta mineiro Rodrigo Fiúza, de 30 anos, esteve nesta quinta-feira no Palácio do Planalto para uma rápida audiência com o Presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Rodrigo recebeu a assinatura do líder do governo brasileiro na mensagem de paz que o atleta vai levar e distribuir aos povos do Oriente Médio. Rodrigo, que também é turismólogo e fotógrafo, viaja no dia 21 de abril, partindo de Belo Horizonte, sua cidade natal.

Na cerimônia em Brasília, Lula ficou admirado com a coragem do atleta e quis saber dos detalhes do projeto “Caminho da Paz”. “Seria muito bom para o país se outros brasileiros fizessem o que o Rodrigo vai realizar”, disse Lula. Questionado pelo presidente se não tinha medo de fazer uma viagem por países em constante conflito, Fiúza confessou estar ciente do objetivo da viagem que irá realizar.

“O medo me motiva e me mantém vivo”. O atleta brasileiro pretende contratar, em cada país, um acompanhante para facilitar sua viagem e evitar contratempos.

O projeto “Caminho da Paz” é uma das ações do Memorando de Paz da Unesco, que vigora desde abril do ano passado, com o intuito de promover o intercâmbio cultural e a paz no mundo.

A Hosteling Intenational (a maior rede de hospedagem econômica no mundo) participa do projeto e oferecerá a hospedagem a Rodrigo Fiúza nesta expedição, que deve durar cerca de dois meses por nove países (Turquia, Síria, Irã, Líbano, Afeganistão, Paquistão, Tibet, Nepal e Índia). Ao todo, Rodrigo percorrerá 22 mil quilômetros em uma
moto 125 cilindradas. Em 2002, ele andou 45 mil quilômetros, também de moto, no continente americano, da Patagônia ao Alaska.

Sobre o atleta

Rodrigo Fiúza é acostumado a lidar com o perigo e adapta-se facilmente a regiões inóspitas. Possui muita experiência em resgates em montanhas,primeiros socorros e sobrevivência na selva. Ele escalou o monte Huascarán no Peru (6.784 metros) e o vulcão Hualca, percorreu a Europa e o Oriente Médio à pé e de carona e foi o primeiro mineiro a representar o Brasil no Marlboro Adventure Team, no México, selecionado entre 71 mil
candidatos.

Já participou de mergulhos em águas infestadas de tubarões no Mar do Caribe e completou 45 mil quilômetros em uma moto 225 cilindradas, da Antártica ao Alaska,
percorrendo a maior distancia já feita por um brasileiro em cima de uma moto. Rodrigo também é guia da região de Machu Pichu, onde já fez vários trechos da Cordilheira dos
Andes à pé.

“Os conflitos entre as nações do Oriente Médio destroem suas populações, mas acredito que a paz ainda possa existir por lá”, completou Rodrigo.

Fonte: HI Hostel Brasil / Assessoria de Imprensa

  
  

Publicado por em

Ana Lucia Fiúza Baratz

Ana Lucia Fiúza Baratz

10/10/2008 23:24:45
PARABENS RODRIGO VC SO PODERIA SER UM FIUZA. DETERMINADO,CORAJOZO,FANTASTICO. beijos,