Aventureiro remará do Rio de Janeiro a Santos em um caiaque

Aventureiro remará cerca de 460 Km sozinho, enfrentando mar aberto, ondas, situações extremas,dormir e se alimentar em condições precárias sem qualquer monitoramento ou apoio externo além de não contar com um patrocinador. Sairá da praia de Copacabana

  
  

Aventureiro remará cerca de 460 Km sozinho, enfrentando mar aberto, ondas, situações extremas,dormir e se alimentar em condições precárias sem qualquer monitoramento ou apoio externo além de não contar com um patrocinador.

Sairá da praia de Copacabana no Rio de Janeiro dia 20/01 para chegar em Santos entre 10 a 12 dias, em um caiaque de 5,20 m e 25 Kg projetado por Fabio Paiva (15 vezes campeão brasileiro de Canoagem) .

Rodrigo Castanho pretende remar mais de 12 horas por dia e fazer asrefeições no próprio caiaque, para isso montou 12 kits de ração cada um com 4 refeições, pretende consumir mais de 6 litros de água por dia.

Sem qualquer aparato tecnológico, usando apenas uma carta náutica e bússola, enfrentará mau tempo, ondas, correntes, vento forte, tubarões outros problemas como os fantasmas da desidratação e caimbras.

Para Castanho a distancia longas deve ser encarada como passeios diários, sendo a Ponta da Juatinga um dos trechos mais complicados, principalmente com o mar bravo a área risco.Além da sorte, Castanho conta com um estudo e logistica que lhe custaram 6 meses de preparação.

Fonte: Travessia Rio-Santos

  
  

Publicado por em