Brasil terá seis atletas na Olímpiada de Atenas

A União Internacional de Triatlo (ITU) divulgou nesta quarta-feira o número de vagas que cada país terá na Olimpíada de Atenas, em agosto, e o Brasil é um dos cinco países do mundo a ter a quantidade máxima de representantes: seis (três no feminino e três

  
  

A União Internacional de Triatlo (ITU) divulgou nesta quarta-feira o número de vagas que cada país terá na Olimpíada de Atenas, em agosto, e o Brasil é um dos cinco países do mundo a ter a quantidade máxima de representantes: seis (três no feminino e três no masculino).

Os seis atletas convocados são apoiados pelo Pão de Açúcar: Carla Moreno (15ª no ranking mundial), Mariana Ohata (17ª), Sandra Soldan (18ª ), Leandro Macedo (19º), Juraci Moreira (23º) e Paulo Miyasiro (40º).

“Nossos atletas garantiram a vaga em competições importantes, mostrando que o trabalho aqui é bem feito”, comemorou o coordenador do PA Club, Marcos Paulo Reis. “Isso é conseqüência de um trabalho a longo prazo. Todos os seis triatletas têm uma história dentro da empresa e isso nos deixa muito satisfeitos.”

Os seis triatletas vão tentar ganhar o bônus oferecido pelo Pão de Açúcar aos seus atletas que ganharem medalhas na Olimpíada. O incentivo é de R$ 200 mil para a medalha de ouro; R$ 100 mil para a prata; e de R$ 70 mil para o bronze.

O número de vagas a que um país tem direito é estipulado de acordo com a classificação de seus atletas nos rankings masculino e feminino, separadamente. Quanto mais atletas bem colocados no ranking, mais vagas o país tem. Além do Brasil, somente mais quatro países levarão equipe completa: Austrália, Espanha, Estados Unidos e Grã-Bretanha.

No feminino, Carla (Pão de Açúcar/Nike), Mariana (Pão de Açúcar/Brasil Telecom) e Sandra (Pão de Açúcar/Brasil Telecom/ Reebok/PowerBar) garantiram as vagas por serem as únicas brasileiras que se classificaram para as seletivas olímpicas, disputadas ao longo dos meses de abril e maio, nas etapas do Japão e do México da Copa do Mundo e no Campeonato Mundial de Triatlo - e por estarem muito bem colocadas no ranking mundial, se mantendo por praticamente todo o ano de 2004 entre as 20 primeiras da lista.

Já entre os homens a briga foi mais acirrada. Quatro atletas se classificaram para as seletivas: Leandro (Pão de Açúcar), Juraci (Pão de Açúcar/Brasil Telecom), Miyasiro (Pão de Açucar/Unimonte) e Virgílio de Castilho (Pão de Açúcar/Brasil Telecom).

Leandro carimbou seu passaporte por ter um ótimo desempenho nas seletivas, confirmando sua condição de brasileiro mais bem colocado do ranking mundial.

Juraci também se saiu muito bem nas seletivas, enquanto Miyasiro garantiu a vaga no último momento, com a 13a colocação no Campeonato Mundial de Triathlon, realizado no domingo, na Ilha da Madeira, em Portugal.

No feminino repete-se em Atenas a mesma equipe que defendeu o Brasil em Sydney (2000). A equipe masculina tem dois veteranos olímpicos e um estreante:Leandro e Juraci estiveram em Sydney, enquanto Miyasiro vai para sua primeira participação nos Jogos. Carla Moreno e Leandro Macedo, os mais bem colocados no ranking mundial, terão o privilégio de levar seus técnicos para chefiar, em Atenas, as equipes masculina e feminina.

Fonte: ZDL de Comunicação

  
  

Publicado por em