Brasileiros disputam o Campeonato Pan-Americano no México

Em ritmo de preparação para as seletivas que definirão a equipe para os Jogos Olímpicos de Atenas, os triatletas brasileiros dão seqüência às competições oficiais da temporada. Neste sábado, dia 20, acontece o Campeonato Pan-Americano na cidade de Aca

  
  

Em ritmo de preparação para as seletivas que definirão a equipe para os Jogos Olímpicos de Atenas, os triatletas brasileiros dão seqüência às competições oficiais da temporada.

Neste sábado, dia 20, acontece o Campeonato Pan-Americano na cidade de Acapulco, México, e o triatlo
nacional terá quatro dos pré-selecionados para a Grécia: a paulista Carla Moreno (Pão de Açúcar/Nike), 14ª no ranking; a carioca Sandra Soldan (Pão de Açúcar/Brasil Telecom/ Reebok), 16ª; o gaúcho Leandro Macedo (Pão de
Açúcar), 29º; e o paranaense Juraci Moreira (Pão de Açúcar Brasil Telecom),40º.

A prova será realizada na praia Hornos e terá as distâncias olímpicas, ou seja,1,5 km de natação (duas voltas de 750 metros), 40 km de ciclismo (oito voltas de 5 km) e 10 km de corrida (quatro voltas de 2,5 km). A largada do feminino acontece às 9 horas locais (06h00 em Brasília), enquanto o masculino começa às 10h45 (07h45 em Brasília). A premiação total é de 25 mil dólares.

Melhor brasileiro no ranking da União Internacional de Triathlon (ITU), o gaúcho radicado em Brasília Leandro Macedo ocupa a 29ª posição. Medalha de ouro no Pan de Mar del Plata (95), ele busca um bom resultado para a manutenção desde colocação, uma vez que a primeira vaga olímpica será dada ao brasileiro mais bem colocado. “O momento é de buscar o maior número de pontos possível”, destaca Leandro.

Juraci Moreira, por sua vez, é o segundo na atualidade, ocupando o 40º lugar.Atravessando um bom momento, ele vem de duas importantes vitórias, no Brasileiro e na prova de Caiobá. “Este evento é importante para acumular os pontos, pois quero me aproximar do Leandro”, afirma o paranaense.

Entre as mulheres a situação é mais tranqüila no que diz respeito à classificação para os Jogos. Isso porque tudo indica que o feminino terá justamente três vagas e as triatletas pré-selecionadas, Carla, Sandra e Mariana, repetirão a formação de Sydney 2000.

“Faz parte do meu calendário de disputas e como preparação para a Grécia, pois reunirá competidores fortes” destaca Carla, única triatleta do país a ter vencido uma etapa da Copa do Mundo, feito obtido no Rio de Janeiro em novembro de 2003.

A programação das seletivas é a seguinte:

-11/04, Copa do Mundo de Ishigaki, no Japão;

25/04, Copa do Mundo de Mazatlán, no México; e Mundial de Triathlon, na Ilha de Madeira, Portugal.

Vale lembrar que o melhor colocado no ranking tem vaga garantida nos Jogos, enquanto os demais dependerão do número de vagas definido para cada país.

Fonte: ZDL de Comunicação

  
  

Publicado por em