Brasileiros estão prontos para quebra de recorde de paraquedismo

A equipe Brazilian Dream Team (BrDT) já está pronta para a quebra do recorde sulamericano de Formação em Queda Livre

  
  
Paraquedistas treinam para qiebra de recorde em Boituva (SP)

A equipe Brazilian Dream Team (BrDT) já está pronta para a quebra do recorde sulamericano de Formação em Queda Livre. Neste final de semana (26 e 27 de março), em Boituva, ocorreu o último treinamento no Brasil. Os atletas embarcam agora para o Arizona, nos Estados Unidos, onde, a partir do dia 15 de abril, farão tentativas diárias de reunir 100 paraquedistas em uma mesma figura, no ar.

“O que tinha para ser feito no Brasil, foi cumprido”, comentou Ricardo Pettená, organizador do evento. Ele, que completa 40 anos de paraquedismo em dezembro, comandou os treinos dos atletas para acertar os últimos ajustes. “Os que precisavam de melhores resultados tiveram a oportunidade de praticar”, completou.

No Centro Nacional de Paraquedismo, em Boituva, os treinos ocorreram de duas formas. Primeiro com formações menores, de 14 atletas numa mesma aeronave, e depois saltos de formação de 28 paraquedistas, com partidas de dois aviões diferentes e emparelhados. “Esse treino foi importante para que os atletas sintam um pouco do que deve ser encontrado no Arizona”, detalhou Pettená, que também é sócio da Escola Azul do Vento de Paraquedismo.

A logística para colocar 100 paraquedistas no ar vai exigir que cinco aviões voem simultaneamente com cerca de 20 atletas em cada. As tentativas de recorde ocorrerão na semana de 15 a 22 de abril.

A equipe envolvida no projeto 100-way, como é chamada a formação, contará com 150 participantes. São 100 paraquedistas na formação e outros atletas reservas que estão sendo preparados para participar das próximas empreitadas da BrDT.

Mais informações podem ser obtidas no site www.azuldovento.com.br

Fonte: AD Comunicação & Marketing

  
  

Publicado por em