Torneio internacional de tênis de praia em Aruba cresce em popularidade

O Brasil, que nos anos anteriores voltou para casa premiado, tem representantes em quase todas as categorias.

  
  
A modalidade, que é das que mais cresce no planeta, tem tanta popularidade que os organizadores aumentaram o evento de cinco para sete dias / Divulgação

Até o próximo domingo (22/11) ocorre em Aruba o maior evento esportivo do destino e o mais popular de tênis de praia em todo o mundo, o Aruba Beach Tennis.

A modalidade, que é das que mais cresce no planeta, tem tanta popularidade que os organizadores aumentaram o evento de cinco para sete dias para acomodar os mais de 1.200 jogadores profissionais e amadores que participam do torneio.

Os visitantes da ilha podem seguir a ação nas quadras em frente ao mar e aproveitar o ambiente emocionante, as festas e outros eventos realizados em conjunto com o torneio.

As categorias do Open variam de individuais a duplas, duplos mistos, equipes mistas, equipes nacionais e até mesmo uma categoria masters, para participantes com idade superior a 50 anos. Os jogadores profissionais estão competindo por prêmios de até US$ 50 mil.

O Brasil, que nos anos anteriores voltou para casa premiado, tem representantes em quase todas as categorias. Além de Aruba, o país que mais abraçou esta modalidade, outros países participantes são a Itália, local de nascimento do tênis de praia, Estados Unidos, Porto Rico, Alemanha, França, Holanda, Chile, Bélgica, Venezuela, Eslovênia, Espanha, Portugal, Grécia, Japão e Suíça.

Sobre a ilha de Aruba

Com 110 mil habitantes e localizada ao norte da Venezuela, a ilha de Aruba, no Caribe, é conhecida por suas águas claras e areia branca. Oferece infraestrutura completa de lazer, com 28 hotéis e resorts ao longo da costa oeste, spas, cassinos e campos de golfe - sendo um profissional com 18 buracos.

Além disso, a Ilha Feliz, como é conhecido o país, apresenta gastronomia internacional variada e diferentes opções de compras. Atividades para toda a família estão disponíveis em terra firme, com passeios e visitas pela ilha, e também na água, com mergulho em seu mar cristalino e esportes aquáticos.

Sua localização privilegiada mantém o clima a agradáveis 28 ºC quase todo o ano e fora da rota de furacões. Turistas brasileiros não precisam de visto para entrada no país.

Visite: www.revistaecotour.tur.br

Fonte: Natacha Osório

  
  

Publicado por em