Foz do Iguaçu receberá o Campeonato Brasileiro de Canoagem Slalom

Considerada a etapa mais importante do Circuito Nacional o evento espera atrair mais de 150 embarcações

  
  
Os organizadores esperam contar com a participação de canoístas dos Estados do RS, SC, PR, SP, MT, RJ e DF / Divulgação

Expectativa a mil no Canal Itaipu, entre os dias 18 a 20 deste mês, onde os melhores atletas do cenário nacional participarão do Campeonato Brasileiro de Canoagem Slalom 2013.

Os organizadores esperam contar com a participação de canoístas dos Estados do RS, SC, PR, SP, MT, RJ e DF.

Para Argos Gonçalves, superintendente da Confederação Brasileira de Canoagem, “este campeonato é o mais importante do Circuito Nacional, pois as pontuações para o ranking dos atletas é somado em dobro. Este mesmo ranking é o que define os recursos do Bolsa Atleta para o ano seguinte”.

Ainda de acordo com Gonçalves os canoístas terão no Canal Itaipu uma excelente estrutura e ele afirma “sem desmerecer as outras pistas naturais utilizadas no Circuito Nacional, porém o Canal de Foz propicia outro patamar de competição e organização”.

A estrutura em Foz do Iguaçu

já recebeu vários eventos internacionais, como a Copa Sul-Americana, Campeonatos Pan-Americanos e também o Mundial de Canoagem Slalom em 2007, que serviu como seletivas internacionais para os Jogos Olímpicos de Pequim.

O atleta Pedro Henrique Gonçalves, o “Pepe” bicampeão no K1 Masculino Sênior, considera o Canal Itaipu sua casa, por isso a responsabilidade aumenta, além é claro da expectativa para ser tricampeão neste ano.

Atualmente a Canoagem Brasileira vive um bom momento. A parceria com o BNDES está garantindo uma boa estrutura para os atletas e os resultados estão surgindo.

Para o treinador principal da equipe, Ettore Ivaldi, a Canoagem Slalom Brasileira está crescendo muito neste início de ciclo olímpico e a expectativa é que os percentuais em todas as categorias baixem com relação ao melhor barco da prova.

Neste ano de 2013 a atleta Ana Sátila conquistou uma medalha inédita no Mundial Junior na categoria C1 Feminino Junior. Além dela, a dupla formada pelos atletas Anderson de Oliveira e Charles Ferreira conseguiu chegar à final do Campeonato Mundial Sub-23 e hoje já despontam colocando o Brasil como o 10º melhor país nessa categoria.

Visite: www.revistaecotour.com.br
Fonte: CBCA

  
  

Publicado por em