Brasileira é a primeira mulher do mundo a encarar as ondas da pororoca de caiaque

A atleta brasileira Roberta Borsari tornou-se a primeira mulher do mundo a surfar de caiaque a pororoca, fenômeno que forma ondas gigantes resultantes do encontro das águas de um grande rio com as do oceano

  
  

A atleta Roberta Borsari tornou-se a primeira mulher do mundo a surfar de caiaque a pororoca, fenômeno que forma ondas gigantes resultantes do encontro das águas de um grande rio com as do oceano. O feito ocorreu entre os dias 15 e 23 de abril, em viagem pela região Amazônica.

Para enfrentar as fortes ondas, que chegam a percorrer cerca de 40 km, Roberta teve que ser puxada e posicionada por um jet ski

“A expedição foi um sucesso! Vivi uma das experiências mais marcantes, emocionantes e diferentes de tudo que já fiz no surfe”, celebra Roberta. A atleta também revela que, durante a viagem, as ondas atingiram dois metros de altura e foi possível surfá-las por cerca de 20 minutos.

Para tornar-se a primeira pessoa do mundo a desbravar de caiaque a pororoca no rio Araguari, a atleta contou com a ajuda de surfistas experientes. Sergio Laus liderou a equipe, que ainda tinha nomes como Jorge Pacelli, Saulo Ramos e o australiano Skit.

Para enfrentar as fortes ondas, que chegam a percorrer cerca de 40 km, Roberta teve que ser puxada e posicionada por um jet ski. “A logística de posicionamento de entrada na onda e de resgate com o caiaque foi uma novidade tanto para mim como para a equipe e apoio. Durante a viagem fizemos vários testes até chegar à técnica ideal, parecia uma estratégia militar”, explica a atleta, que também revela uma outra marca: “tivemos um número variado de equipamentos em uma mesma onda da pororoca. Estávamos com caiaque, prancha, stand up, longboard e alaya”.

“Foram oito dias embarcada na selva amazônica para conseguir o feito. Desembarquei em Macapá e de lá foram 18 horas rio adentro”, conta a atleta que, devido a seu isolamento, manteve interação com a comunidade local e grande contato com a fauna e flora da região, avistando jacarés, botos-cor-de-rosa, peixes-boi e macacos.

Pioneirismo
Roberta Borsari é conhecida por seu pioneirismo. No Brasil, ela é a primeira mulher a competir no kayaksurf e a única a correr o circuito nacional. Na canoagem em corredeiras, foi a primeira mulher a descer vários rios do sudeste do país. Além disso, em 2009, tornou-se a primeira a surfar as águas de Galápagos.

Mais informações sobre o esporte e a atleta podem ser obtidas em www.kayaksurfclub.com.br.

Fonte: AD Comunicação & Marketing

  
  

Publicado por em