Copa QuadriJet de ATV 2o. Semestre terá próxima etapa em Belo Horizonte-MG

Depois da primeira etapa em Carandaí (MG), a Copa QuadriJet de ATV 2o. Semestre seguiu para Florestal, cidade localizada a 60 quilômetros de Belo Horizonte. A prova aconteceu no último domingo, 28 de setembro, em uma pista inédita construída no Centro Híp

  
  

Depois da primeira etapa em Carandaí (MG), a Copa QuadriJet de ATV 2o. Semestre seguiu para Florestal, cidade localizada a 60 quilômetros de Belo Horizonte. A prova aconteceu no último domingo, 28 de setembro, em uma pista inédita construída no Centro Hípico da cidade.

Foram aproximadamente 1500 metros de pista larga com o piso escorregadio - principalmente após a chuva que insistiu em cair durante toda a noite e só parou minutos antes da primeira bateria do dia. Outra novidade foi os saltos já que o circuito utilizou trechos de uma pista de motocross.

A primeira bateria do dia, formada pelos pilotos da categoria Júnior com menos de 12 anos, foi disputada ainda com o piso bastante molhado pela chuva. Cinco pilotos alinharam para a largada e disputa de 15 minutos por um circuito menor, criado para dar mais segurança à corrida dos garotos.

Eduardo Orsini Renault deu mais show e venceu a prova com tranqüilidade. Vinícius Dias foi o segundo colocado e Marcelo Fonseca terminou na terceira colocação. Com os resultados, Eduardo mantém a liderança da Copa.

Na segunda bateria do dia - onde disputaram as categorias Novatos, Sênior e Batom - Rodrigo Lamonier foi a surpresa. Lamonier nunca competiu em uma prova de quadriciclos mas chamou a atenção pelo ritmo de sua pilotagem. Mesmo largando no final da fila, ele conseguiu terminar na primeira colocação com 30 segundos de vantagem sobre Daniela Chaves que ficou com a segunda colocação e também levou o troféu de líder da categoria Batom.

Na Sênior, Henrique Orsini Renault - irmão de Eduardo -, foi o vencedor da prova e também se manteve na liderança da temporada. Paulo Márcio Dias terminou em segundo e, em terceiro, ficou Humberto Souza.

Já com a pista seca e calor os pilotos das categorias Máster e Pro fizeram o alinhamento para a terceira bateria do dia. Alexandre Liu voltou a vencer e está invicto na liderança da categoria. Haroldo Bicalho foi o segundo colocado na despedida da categoria. Haroldo, junto com Theo Renault - pai dos irmãos Eduardo e Henrique -, e José Roberto Aguilar, passaram a correr em uma nova categoria a partir da próxima etapa, a Over 40.

Os irmãos Vinícius - vencedor da primeira etapa - e Fernando Moura acabaram não participando da etapa mas a recém criada categoria Pro `pegou fogo` com a participação dos pilotos de quadriciclos mais rápidos do ranking mineiro. Munir Kalil, mesmo sofrendo penalizações de 30 segundos terminou a prova com 14 segundos de vantagem sobre o segundo colocado, Antônio Carlos, que terminou a prova sem embreagem. O terceiro colocado, 12 segundos atrás, foi Bernardo Dinardi.

A categoria máxima dos quadriciclos mineiros mostrou que ninguém está correndo por brincadeira e que as disputas vão ser sempre acirradas. Um exemplo disso está nos tempos da melhor volta de cada piloto. Os três competidores da categoria Pró fizeram exatamente o mesmo tempo. Com os resultados, Munir Kalil assumiu a liderança da Copa.

A próxima etapa da Copa QuadriJet de ATV, que tem o patrocínio de Valvoline, Seculus, Porcão/Três Lobos, Decoranet, AfterShocks, Lagoa Telhas, Tecnoseg, Cachaça da Boa, Flag, By Moto, Tambasa/Amanco, Motostreet e Ladro, acontece no próximo dia 19 de outubro, no Alphaville, em Belo Horizonte.

Resultados

Categoria Junior

1. Eduardo Orsini Renault (Polaris Predator) 00:16:23 (21 voltas)

2. Vinícius Dias (Yamaha Banshee) 00:16:45 (20 voltas)

3. Marcelo Fonseca (Polaris TrailBoss) 00:16:41 (19 voltas)

Categoria Novatos

1. Rodrigo Lamonier (Blaster 200) 00:22:15 (10 voltas)

2. Daniela Chaves (Suzuki Z400) 00:22:46 (10 voltas)

3. João Paulo Matos (Honda Fourtrax) 00:23:01 (10 voltas)

Categoria Sênior

1. Henrique Orsini Renault (Yamaha Raptor) 00:22:17 (10 voltas)

2. Paulo Márcio Dias (Honda 300) 00:22:42 (10 voltas)

3. Humberto Souza (Honda 400) 00:22:49 (10 voltas)

Categoria Master

1. Alexandre Liu (Honda 400) 00:34:18 (16 voltas)

2. Haroldo Bicalho (Suzuki Z400) 00:34:40 (16 voltas)

3. Ricardo Purri (Yamaha Raptor) 00:33:23 (15 voltas)

Categoria Pro

1. Munir Kalil (Yamaha Banshee) 00:33:36 (17 voltas)

2. Antônio Carlos (Yamaha Raptor) 00:33:50 (17 voltas)

3. Bernardo Dinardi (Yamaha Raptor) 00:34:02 (17 voltas)

Fonte: Assessoria de Imprensa Planeta Off-Road

  
  

Publicado por em