Douglas Carvalho confirma presença no V Jet Waves Cup

O goiano Douglas Carvalho, atualmente morando em Uberlândia (MG), também confirmou presença no V Jet Waves Cup, que reunirá os melhores pilotos do mundo na praia de Mole, em Florianópolis (SC). A competição corresponde ao Campeonato Mundial de manobra

  
  

O goiano Douglas Carvalho, atualmente morando em Uberlândia (MG), também confirmou presença no V Jet Waves Cup, que reunirá os melhores pilotos do mundo na praia de Mole, em Florianópolis (SC).

A competição corresponde ao Campeonato Mundial de manobras nas ondas e será disputada nos dias 15 e 16 de novembro. Os organizadores esperam grande presença de público, pois a cidade já começa a receber muitos turistas nessa época do ano.

Carvalho participará pela quarta vez do Jet Waves Cup e deve viajar para Florianópolis no dia 9 para realizar um período de treinamento intensivo, juntamente com o catarinense Alessander Lenzi.

“Aqui em Ubelândia tenho cuidado mais da parte física, porque esse é um aspecto importante nesse tipo de competição. O piloto precisa ter um bom preparo, pois nas ondas as manobras são muito difíceis.

Cada apresentação dura dez minutos e em 50 % das manobras você tem de surfar, o que é bastante difícil para quem não está acostumado. As manobras de salto são mais tranqüilas. Tenho realizado treinamento com o jet apenas duas vezes na semana e, por esse motivo, quero chegar antes a Florianópolis para me dedicar ao treinamento técnico, na água, em dois períodos”, explicou.

O piloto dominou o Campeonato Brasileiro de Jet Ski, na categoria Freestyle Profissional, conquistando os títulos de 93 a 97.No Campeonato Mundial, ele foi vice-campeão em 95 e terceiro colocado em 97, 98 e 2000.

Seu objetivo nesta edição do Jet Waves Cup é terminar entre os cinco primeiros da categoria Stand up Profissional.Douglas destaca a importância do evento.

“A competição terá um alto nível técnico, pois os melhores pilotos do mundo na atualidade vão estar em Florianópolis. Será muito importante a presença do público para torcer pelos brasileiros, que vão procurar fazer o melhor e tentar manter o título da categoria Stand up Profissional no Brasil”, comentou.

O catarinense Ivo Sehn Neto conquistou o título em 99, 2000 e 2002, enquanto seu conterrâneo Alessander Lenzi,foi campeão em 2001.

A programação da V Jet Waves Cup tem início no dia 14, com os treinos livres das 16 às 18 horas, na praia de Mole.

No dia 15 - às 9h30 - solenidades de abertura; 10 horas - primeira bateria da Stand up amadora; 11h30 - Seat down amadora Às 14 horas - categoria Seat down profissional; 15h30 - segunda bateria da Stand up amador; Às 17 horas - Seat down amador.

No dia 16 - 10 horas primeira bateria da categoria Stand up profissional; 11h30 segunda bateria da Seat down; 12h30 segunda bateria da Stand up profissional; 14 horas final da Seat down amador; 14h20 semifinal da Seat down profissional; 14h50 semifinal da Stand up profissional; 15 horas final da Stand up amador; 15h20 final da Seat down profissional; 15h50 final da Stand up profissional; 16h30 entrega de prêmio. Às 22 horas está marcada a festa de encerramento.

O Jet Waves Cup tem o número limitado em 40 pilotos, que farão manobras radicais com jet ski nas ondas. Na competição, os participantes têm como objetivo realizar o maior e melhor número de manobras, em um tempo pré-estabelecido de 10 minutos cada.

Um júri internacional dará notas de 5 a 10, conforme a performance dos concorrentes. Serão computadas notas para manobras “aéreas” e manobras de “surf”, conforme sua radicalidade, dificuldade, harmonia e finalização.

A prova terá quatro categorias: Stand-up (jet em pé, sem banco) e Seat down (jet com banco) amador e profissional. O V Jet Waves Cup tem a organização da ProNautica Jet Ski e Nai Eventos, com patrocínio da Embratel 21 e Revista Náutica.

Os apoios são do Governo do Estado Santa Catarina, Prefeitura de Florianópolis, Fundação Municipal de Esportes, MZA Imp. Exp. Ltda, Florianopolitana MG Construções & Incorporações, Café Cacun Floripa.A supervisão é da FWA (Freeride Water Craft Association)e FEMOAESC (Federação Catarinense de Motoaquática).

Fonte: ROF

  
  

Publicado por em