Estrangeiros querem desbancar favoritos do Extra Distance 800 K

Os grandes nomes do ciclismo brasileiro terão mais dois motivos para se preocupar quando estiverem competindo na segunda edição do Extra Distance 800K, prova que será disputada nos dias 4 e 5 de dezembro: um deles fala um idioma que poucos entendem no Bra

  
  

Os grandes nomes do ciclismo brasileiro terão mais dois motivos para se preocupar quando estiverem competindo na segunda edição do Extra Distance 800K, prova que será disputada nos dias 4 e 5 de dezembro: um deles fala um idioma que poucos entendem no Brasil (o austríaco) e se chama Valentin Zeller; o outro fala português, mas não o dos trópicos, e é conhecido por Mario Roma.

Ambos adoram o país e querem desbancar os favoritos da categoria solo da prova, que terá 339 atletas (50% mais que em 2003) divididos em 111 equipes.

Considerado um dos melhores ciclistas europeus, Zeller, de 27 anos, foi campeão este ano da Race Across the Alps, prova de 540 quilômetros disputada no Velho Continente, com o tempo de 20 horas e 40 minutos. Ele já tem vaga garantida na Race Across America de 2005 e quer aproveitar o Extra Distance para treinar para a prova norte-americana.

“O evento brasileiro tem condições climáticas similares às do local da competição nos Estados Unidos”, afirma.

Valentin Zeller conseguiu classificação para a RAAM graças ao segundo lugar obtido no Raid Extreme Provence, na França.

O ciclista austríaco, que iniciou sua carreira em 1990, tem no currículo mais de 800 provas. No ano passado, ganhou as 12 Horas de Hochenheimring e de Admont/St. Gallen e, em 2004, sagrou-se campeão de enduro no Mundial da Áustria, de 1.100 quilômetros, com o tempo de 37h45min.

“O Brasil é um país maravilhoso e não poderia deixar de bancar o turista e curtir um pouco este lugar. Só que quando o Extra Distance 800K começar, vou atrás da vitória”.

E o atleta, integrante do Team Americas, avisa: “Farei de tudo para abaixar o tempo do Júlio Paterlini, campeão do ano passado, que completou o percurso em 29h07min41seg”.

Mario Roma, de 42 anos, morou em Lisboa até 1989, trabalhando naquilo que mais gosta de fazer e escolheu como profissão: webdesigner. Como esporte, o português praticava vela desde os oito anos, mas resolveu mudar - passou a pedalar em provas de mountain bike e competiu algumas vezes nos Estados Unidos.

Há sete anos, veio ao Brasil e resolveu morar no país em definitivo. Conheceu a brasileira Andréia, casou-se com ela, teve duas filhas e firmou residência em São Paulo. Antes, na Praia de Pipa em Natal/RN, comprou um terreno e montou um resort de 36 leitos.

Roma lembra que estará no Extra Distance 800K buscando se adaptar às provas de velocidade. “Será a primeira prova de speed que vou participar. Meu estilo é mountain bike, mas esta será uma excelente oportunidade de me preparar para a Cape Epic, em 2 de abril de 2005”.

Esta prova de oito dias e 900 quilômetros liga o Índico ao Atlântico, terminando na Cidade do Cabo, na África do Sul. Mario destaca ainda que um lugar no pódio já será um resultado fantástico.

“Dois aspectos serão fundamentais nesta prova, o preparo físico e o lado psicológico. Claro que a alimentação e a hidratação também são importantes”, opina o português.

Sobre o Brasil, ele lamenta apenas as diferenças sociais do país, mas diz que não se imagina morando em outro lugar.

“Por causa da vela, desenvolvi meu lado cigano e competia em vários lugares”, brinca. “Será muito difícil sair do Brasil. No começo, estranhei um pouco a comida e o clima. Às vezes sinto-me como se fosse um brasileiro nato”, completa o estrangeiro, que também já fez corrida de aventura mas agora só se dedica ao ciclismo.

Números recordes

O Extra Distance 800K chega à sua segunda edição com números recordes de atletas (339) e equipes (111). Serão 23 solo, 18 duplas e 70 quartetos, que pedalarão 800 quilômetros saindo e chegando a São Paulo e percorrendo 52 cidades do interior paulista.

A largada acontece a partir das 6 horas da manhã (categoria solo) no Extra Hipermercados Tietê, no sentido do interior, e os ciclistas retornarão à capital paulista cruzando a linha de chegada no Extra Hipermercados Anhangüera.

A prova é a única classificatória da América do Sul, na solo, para a Race Across America 2005, que será disputada em junho nos Estados Unidos.

Além de São Paulo, o Extra Distance passará por Osasco, Jacareí, Atibaia, Bragança Paulista, Campinas, Aguaí,Pirassununga, Brotas, Jaú, Lençóis Paulistas, Botucatu, Sorocaba e outros municípios. Serão 11 estradas, entre elas a Ayrton Senna (SP-70), D. Pedro I (SP-65), Dr. Adhemar de Barros (SP-340), Marechal Rondon (SP-300) e Castelo Branco (SP-280).

O evento é uma iniciativa do Extra Hipermercados e conta com o patrocínio de GU Energy Gel, Bombril, Flying Horse, água mineral Schincariol, Bavária Sem Álcool e Fuji Bikes.

Fonte: ZDL de Comunicação

  
  

Publicado por em