Forró/Demag larga na frente na Rota do Aço

O veleiro Forró/Demag, comandando pelo bicampeão mundial de Soling Gastão Brun, confirmou o favoritismo e saiu na frente na Rota do Aço Regata de Vela Oceânica, que teve largada às 12h05 deste sábado no píer dois da Praia de Camburi, em Vitória. Max

  
  

O veleiro Forró/Demag, comandando pelo bicampeão mundial de Soling Gastão Brun, confirmou o favoritismo e saiu na frente na Rota do Aço Regata de Vela Oceânica, que teve largada às 12h05 deste sábado no píer dois da Praia de Camburi, em Vitória.

Maximus/Ferrostal, do timoneiro Helio Lyra de Aquino Junior, e de Swister/Arcelor, de Alain Simon, ocupavam a segunda e a terceira colocações após a primeira hora de regata.

Com sol, calor de 30 graus e ventos nordeste de 10 nós, 34 veleiros alinharam para a largada. Eles têm percurso livre até o Iate Clube do Rio de Janeiro, onde termina a primeira etapa da competição, percorrendo as primeiras 260 milhas náuticas do total de 634 até a chegada em São Francisco do Sul, em Santa Catarina.

O veleiro La Niña/Norsul, de 36 pés,quebrou o stay de proa, um cabo de aço que ajuda na sustentação do mastro, durante o procedimento de largada.

A previsão inicial dos organizadores foi mantida após a partida e os primeiros barcos devem atracar na Baía de Guanabara no início da noite deste domingo. Dos 39 veleiros esperados na largada, cinco não alinharam.

Além de La Niña/Norsul, que deverá seguir a motor para reparos no Rio de Janeiro (além do stay de proa, quebrou também a retranca), Dona Maria e Pampeiro desistiram de competir, enquanto Mar & Sol e Sous Le Vent V vão disputar a competição a partir do Rio, juntamente com La Niña/Norsul. A relargada no Iate Clube do Rio de Janeiro está marcada para as 14 horas de terça-feira, dia 9.

A largada foi uma festa na Praia de Camburi. Cerca de cinco mil pessoas puderam acompanhar a queima de fogos de artifício, acionada logo após a largada. A cerimônia contou com a participação do governador do Espírito Santo Paulo Hartung, do vice-governador Lelo Coimbra, do vice-prefeito de Vitória Ademir Cardoso e do presidente da Assembléia Legislativa Cláudio Vereza, além de secretários estaduais e municipais e dos presidentes da Companhia Siderúrgica de Tubarão (CST), José Armando de F. Campos; da Norsul, Hugo Figueiredo; e da Veja do Sul, Patrick Bardet.

O público de Vitória acompanhou de perto toda a movimentação da praia, onde foi montado o Espaço Rota do Aço. Com acesso gratuito, as pessoas tiveram a oportunidade de assistir também disputas de canoas havaianas e caiaques, além de sessões de ioga e massagem. Após a largada, puderam dançar ao som da banda capixaba Casaca.

O veleiro campeão receberá um troféu transitório, que ficará exposto na sede da CST, em Serra (ES). A comissão de honra da regata conta com a participação de dois ícones do esporte brasileiro: o navegador Amyr Klink e o velejador e secretário da Juventude, Esportes e Lazer do Estado de São Paulo, Lars Grael.

A regata terá outras duas etapas, além de Vitória-Rio. Os barcos velejarão mais 365 milhas do Rio até o Capri Iate Clube, em São Francisco do Sul, e depois mais nove milhas náuticas, ligando o Capri Iate Clube ao centro da cidade, no dia 14 de março.

A regata é reservada para barcos com medida igual ou superior a 30 pés e pode ser acompanhada pela internet no site oficial. A posição dos barcos será atualizada três vezes por dia, por volta das 8h00, 15h00 e 22h00. As colocações serão apuradas pela Marinha, que acompanhará toda a competição e passará as informações por um terminal Mini-M para transmissão de dados, voz e fax móvel via satélite.

A Rota do Aço -

Regata de Vela Oceânica é uma realização da Arcelor, CST, Vega do Sul e Norsul, com organização da DS Comunicação e apoio da Gol Linhas Aéreas, Federação Brasileira de Vela e Motor (FBVM), da Associação Brasileira de Veleiros de Oceano (ABVO), da Marinha do Brasil, dos governos do Espírito Santo e Santa Catarina, das prefeituras de Vitória e São Francisco do Sul, do Iate Clube do Espírito Santo, do Iate Clube do Rio de Janeiro e do Capri Iate Clube.

Fonte: ZDL de Comunicação

  
  

Publicado por em