Juquehy, no litoral norte de São Paulo, oferece passeios em canoas havaianas

Quem gosta de viajar literalmente quando troca a paisagem urbana por cenários deslumbrantes como o do Litoral Norte de São Paulo tem um motivo extra para escolher Juquehy neste Verão. Em parceria com a Kanu Outdoor Esportes, o Hotel Canto da Praia est

  
  

Quem gosta de viajar literalmente quando troca a paisagem urbana por cenários deslumbrantes como o do Litoral Norte de São Paulo tem um motivo extra para escolher Juquehy neste Verão.

Em parceria com a Kanu Outdoor Esportes, o Hotel Canto da Praia está realizando passeios em canoas havaianas, moldadas a partir do modelo original utilizado há 15 mil anos pelos colonizadores do Havaí e da Polinésia.

“Sete das dezesseis canoas desse tipo disponíveis no Brasil estão aqui”, afirma o sócio da empresa e diretor da Federação Paulista de Canoagem, Paulo Roberto de Oliveira.

Segundo Betinho, como é mais conhecido o coordenador da atividade, as semelhanças com esse jeito histórico de navegar não se restringem ao cenário e à embarcação. Os instrutores da Kanu fazem o turista reviver tradições repletas de religiosidade, como o cuidado de manter as canoas sempre voltadas para o oceano e nunca cruzar sobre elas. Os comandos que coordenam as remadas também são os mesmos daquelas remotas culturas.

Cuidados assim são um verdadeiro tributo prestado aos desbravadores que saíam em busca de novas terras e, mesmo diante da grande resistência e estabilidade de suas canoas, muitas vezes acabavam sucumbindo à falta de água potável e alimentos.

No roteiro oferecido aos hóspedes do Canto da Praia, essa viagem pelo mar e pela história dura cerca de 3 horas ao longo da arquipélago dos Alcatrazes, cartão postal da região.

Além de um treinamento antes do embarque sobre todos os procedimentos de navegação e segurança, o que inclui a utilização de equipamento especial , os monitores proporcionam uma parada estratégica numa das Ilhas do percurso para que todos descansem saboreando uma completa cesta de frutos tropicais.

Como opção a esse roteiro, existe um outro menor, dentro do Rio Una e um de apenas 40 minutos, porém bem mais forte, ao estilo dos apreciadores do esporte-aventura.

Fonte: Ass.Imprensa Canto da Praia

  
  

Publicado por em