Memorial/Santos inicia temporada com o objetivo de manter hegemonia

Líder do ranking nacional desde quando foi criada no fim de 1999, a equipe Memorial/ Santos é uma das grandes atrações da Volta Internacional do Estado de São Paulo de Ciclismo 2004, que será disputada a partir de domingo, com a participação de atletas do

  
  

Líder do ranking nacional desde quando foi criada no fim de 1999, a equipe Memorial/ Santos é uma das grandes atrações da Volta Internacional do Estado de São Paulo de Ciclismo 2004, que será disputada a partir de domingo, com a participação de atletas do Brasil, Argentina, Uruguai e Estados Unidos.

O objetivo da equipe,comandada pelos experientes Márcio May, Hernandes Quadri Jr e Antônio Nascimento, o Tonho, é manter a hegemonia no esporte.

Para isso, a base da equipe de 2003 foi mantida. Além de May, Hernandes e Tonho, também continuam os jovens Róbson Ribeiro, o Grandão, e Anderson Oliveira, o Mindu. Para o lugar de Rodrigo de Melo e Brito, o Morcegão,
que se transferiu para a Caloi Extra Suzano, a equipe contratou José Cláudio dos Santos, o Facex, especialista em subidas de montanhas e em provas de estrada, as prioridades da Memorial este ano, que defendia a Guaru.

A estréia oficial da equipe na temporada será na IV Copa América, no sábado e domingo, no Autódromo de Interlagos. Esta é a única competição importante nacional que a equipe nunca venceu.

“A prova servirá mais como avaliação porque será disputada muito perto da Volta Internacional do Estado, que é o nosso grande objetivo”, comentou o técnico Cláudio Diegues, no comando desde a criação da equipe.

“Por isso, decidimos pela contratação do Facex. Ele vai ser importante porque, na maioria das voltas, as etapas de montanha decidem os vencedores e ele é um grande escalador.”

O principal ciclista da Memorial em 2003 foi o catarinense Márcio May, líder ranking nacional individual. Aos 31 anos, ele garantiu vários resultados importantes, como o quarto lugar no Pan-Americano de Santo Domingo e a quinta colocação no Mundial B (para atletas não profissionais), disputado na Suíça. No Brasil, foi o vencedor do Troféu Cidade de São Paulo, das Voltas de Goiás e do Litoral Paranaense.

Assim como May, o paranaense Hernandes, 35 anos, também é experiente e defendeu o Brasil em dois Jogos Olímpicos (Barcelona/92 e Atlanta/96). Na última temporada garantiu o bicampeonato brasileiro de estrada, o 17º título nacional em sua carreira.

Foi o 6.º colocado na prova de meio-fundo do Mundial B, a mesma posição no Pan-Americano, apesar de competir com a clavícula quebrada, conseqüência de um tombo, dias antes da disputa.

A principal conquista do cearense Tonho, de 25 anos, em 2003, foi a conquista do título da tradicional Volta de Santa Catarina. Ele ganhou também o bicampeonato do Torneio de Verão, no litoral paulista, e foi vice-campeão
na Copa da República, mostrando ser um ciclista completo, pedalando forte tanto em subidas de montanha quanto nos sprints.

Além da Memorial/Santos, outras 17 equipes estão inscritas na Volta Internacional do Estado de São Paulo 2004: Caloi Extra Suzano (SP), DataRo/Curitiba (PR), Scott/Fadenp/São José dos Campos (SP), Avaí (SC), Vimoto (RJ), Guaru (SP), seleção Norte/Nordeste (vários), seleção mineira (MG), seleção goiana (GO), seleção gaúcha (RS), Peels Capacetes (SP), SAP São Lucas/ Mônaco (SP), Liga Desportiva Ribeirão Preto (SP), São Caetano (SP),seleção uruguaia, seleção argentina e Toshiba-Aerospace Engineering (Estados Unidos).

A Volta do Estado terá 1.140 km, divididos em nove etapas. Desse total, 974,25 km serão de competição. Os organizadores, através da Secretaria de Estado dos Transportes e das concessionárias das rodovias envolvidas, estão distribuindo folhetos explicativos sobre a competição desde terça-feira.

O objetivo é orientar o público com relação ao evento e os cuidados necessários para aumentar a segurança dos ciclistas.

A programação da prova é a seguinte: 11/01 prólogo/1ª etapa, Interlagos, 12,75 km e 2ª etapa, São Paulo/São José dos Campos, 91,8 km; 12/01 - 3ª etapa, São José dos Campos/ Atibaia, 109,4 km; 13/01 - 4ª etapa, Atibaia/ São Carlos, 215 km; 14/01 - 5ª etapa, São Carlos/Bauru, 175,4 km; 15/01 - 6ª etapa, Bauru/Ribeirão Preto, 230,3 km;16/01 - 7ª etapa, Ribeirão Preto (contra-relógio), 23 km;17/01 - 8ª etapa, Ribeirão Preto/Campinas, 228,3 km; e 18/01 - 9ª etapa, Campinas/São Paulo, 55 km.

A Volta Internacional do Estado de São Paulo de Ciclismo é uma promoção da Rede Globo, com organização da Yescom e patrocínio do Itaú e Telefônica. A supervisão é da Confederação Brasileira de Ciclismo e Federação Paulista de Ciclismo, com apoio do Governo do Estado de São Paulo, Secretária da Juventude, Esporte e Lazer do Estado de São Paulo, Secretaria de Estado dos Transportes, Polícia Militar, prefeituras das cidades-sedes e concessionárias das rodovias. A transmissão é da TV Globo, SporTV e TV Globo Internacional para 24 países.

Fonte: ZDL de Comunicação

  
  

Publicado por em