Pagliarini começa ano especial na Volta de São Paulo

O paranaense Luciano Pagliarini trouxe da Itália cinco atletas de sua equipe, a Liquigas/Bianchi, de Milão,uma das mais fortes do país, para disputar a Volta do Estado de São Paulo, entre os dias 16 e 23 deste mês. Além dos italianos, a competição ter

  
  

O paranaense Luciano Pagliarini trouxe da Itália cinco atletas de sua equipe, a Liquigas/Bianchi, de Milão,uma das mais fortes do país, para disputar a Volta do Estado de São Paulo, entre os dias 16 e 23 deste mês.

Além dos italianos, a competição terá ainda times da Argentina, Uruguai, Estados Unidos e Portugal, contando também com a participação de representantes das principais equipes brasileiras.

Com exceção de Pagliarini, de 26 anos, os outros integrantes da equipe italiana são sub-23. Em início de temporada, a Liquigas/ Bianchi dificilmente andará na frente pelas estradas paulistas. Mesmo assim, a presença dos italianos no Brasil mostra que o paranaense está em alta na Europa.

Pagliarini trocou de equipe nesta temporada deixando a Lampre e será um dos principais sprintistas da equipe do italiano Mario Cipollini, recordista de vitórias do Giro da Itália, uma das maiores competições do mundo do esporte.

“Esse é o meu ano. Pode anotar que vou ganhar muitas provas”, comentou o atleta nascido na cidade de Arapongas.

“Estou no Real Madrid do ciclismo. Eu e o Cipollini seremos os dois principais sprintistas do time. Ele vai correr o Giro da Itália e eu, o Tour de France.”

Na Volta de São Paulo, seus companheiros serão Alberto Curtolo, Paolo Praturlon, Angelo Ciccone, Ivano Sanzovo e Loris Gobbi.

“Estamos todos em início de preparação. Essa prova vai servir para rodar essa molecada. Ainda estamos fazendo a base da preparação para 2005. E os times brasileiros já estão voando”, lembrou Pagliarini.

”Mas a Volta é boa e os garotos são talentosos. Ninguém pode bobear conosco.”

As outras equipes estrangeiras também são fortes e vão desafiar os brasileiros. A equipe Monti, da Argentina, mostrou a sua força na Copa América, disputada domingo, no Autódromo de Interlagos, colocando dois atletas entre os cinco primeiros e promete dar trabalho na Volta do Estado. Cristian Leon e Raul Turano ficaram em segundo e em quinto lugares, respectivamente.

Eddie Cisneros, vice-campeão da Copa América de 2004 e quarto colocado na primeira edição da Volta do Estado de São Paulo, também está confirmado, ao lado de Adolfo Trabochi, Emilio Martin e Franco Lopardo.

A equipe Villa Teresa, de Montevidéu, será a representante do Uruguai, que tem como ciclista mais conhecido dos brasileiros Alem Reyes, campeão da Copa América de 2004.

A equipe conta ainda com Miguel Angel Direnna, Juan Manuel Sosa, Jorge Raul Bravo e Federico Moreira, o mais premiado do grupo, com várias vitórias internacionais na carreira e a participação em duas Olimpíadas.

País de grande tradição no ciclismo mundial, Portugal será representado pela equipe Vulcal/SC Pombal, que tem vários atletas de renome internacional. Pedro Miguel Miranda Soeiro, campeão português de estrada de 2003, é um exemplo.

Profissional desde 1996, ele é um dos destaques do grupo, que conta ainda com Cláudio Apoio, Ricardo Horta e Tiago Claro, que terão o reforço dos brasileiros Glauber Souza e Eder Moreno.

A USA-Aerospace Engineering/VMG, formada por Hugh Moran, Gustavo Carrillo, Erin Keim, Christopher Deluise,Christopher Jones e Jason Sanger, representarão os Estados Unidos.

Gustavo Carrillo é o mais experiente do grupo, tem 36 anos e acumula vitórias em países das Américas do Sul, do Norte e Central, como Canadá, Estados Unidos, México,
Guatemala, Porto Rico, Trinidad & Tobago, El Salvador, Venezuela, Honduras, Costa Rica e Belize.

Já Hugh Moran participou de provas no Brasil em 2004, como a Volta do Rio de Janeiro, ocupando a 18ª colocação, e a Volta do Estado de São Paulo, com o 23º lugar.

A Volta, válida pelo ranking da União Internacional de Ciclismo (UCI), é uma das principais competições do calendário nacional e por isso reunirá os representantes das principais equipes brasileiras.

A competição, que distribuirá cerca de R$ 50 mil em prêmios, começa com o prólogo em São Paulo no dia 16, seguindo no mesmo dia para a cidade de São José dos Campos.

Em seguida, a caravana segue para Atibaia, São Carlos, Bauru, São José do Rio Preto, Ribeirão Preto e Campinas, terminando novamente em São Paulo, no dia 23. O vencedor da primeira edição foi o cearense Antônio Nascimento, da equipe Memorial/Santos.

A Volta Internacional do Estado de São Paulo de Ciclismo 2005 é uma realização e organização da Rede Globo e Yescom, com supervisão da Confederação Brasileira de Ciclismo, Federação Paulista de Ciclismo e União Ciclística Internacional.

O patrocínio é da Telefonica, com apoio da Levorin, Localiza, Governo do Estado de São Paulo, Secretaria Estadual da Juventude, Esportes e Lazer, da Secretaria Estadual de Transportes, da Secretaria Estadual de Segurança Pública, da Polícia Militar Rodoviária do Estado de São Paulo, das prefeituras municipais de São Paulo, São José dos Campos, Atibaia, São Carlos, Bauru, São José do Rio Preto, Ribeirão Preto e Campinas, da Artesp, do DER, do Dersa e das concessionárias Autoban, Autovias, Intervias, Triângulo do Sol, Centrovias, Rodovia das Colinas e Vianorte. A promoção e transmissão são da TV Globo e SporTV.

Fonte: ZDL de Comunicação

  
  

Publicado por em