Parque de Aventuras é referência turística em Balneário Camboriú-SC

Balneário Camboriú - SC, um dos principais destinos turísticos do sul do país, consolida-se no mercado voltado ao turismo de aventura. O destaque é o Parque de Aventuras, lançado em janeiro de 2003 no Complexo Unipraias para a prática de arvorismo acrobát

  
  

Balneário Camboriú - SC, um dos principais destinos turísticos do sul do país, consolida-se no mercado voltado ao turismo de aventura. O destaque é o Parque de Aventuras, lançado em janeiro de 2003 no Complexo Unipraias para a prática de arvorismo acrobático – trilhas suspensas nas copas das árvores.

Em pouco mais de um ano de funcionamento, o Parque de Aventuras já recebeu mais de 10 mil pessoas. Destes,60% são turistas individuais e 40% são grupos de empresas para treinamento de Recursos Humanos, escolas, cursos profissionalizantes, associações, entre outros.

Para chegar ao Parque de Aventuras, o acesso é feito pelos bondinhos aéreos do Parque Unipraias até a Estação Mata Atlântica no alto do Morro da Aguada – uma subida equivalente a uma altura de um prédio de
80 andares.

No local, os “candidatos a Tarzan” recebem treinamento por equipe especializada e equipamento de segurança (cadeirinha, mosquetão, trava-queda e capacete) para enfrentar 12 desafios distintos.

No percurso, os aventureiros saltam entre árvores, equilibram-se em estribos e em troncos, atravessam túneis,escalam redes, deslizam sob tirolesa – tudo em meio a flora da Mata Atlântica preservada.

De acordo com o diretor de marketing e comercialização do Parque Unipraias, Cimélio Marcos Pereira,muitas empresas submetem seus funcionários para a prática do arvorismo com finalidade de desenvolver técnicas como aumento de concentração, aumento de habilidade para enfrentar desafios, controle em ações de risco, aumento da auto-estima, além do combate ao estresse e sedentarismo.

O arvorismo é indicado para pessoas das mais diversas faixas etárias – a partir dos 12 anos com mais de 1,40m de altura. “É uma forma de estimular os visitantes a praticar uma atividade física divertida e saudável,
em meio a natureza”, explica Cimélio.

O Parque de Aventuras é resultado de um investimento de cerca de R$ 200 mil com equipamentos importados da França e da Nova Zelândia (berço mundial dos esportes de aventura).

O arvorismo:

Esporte de aventura ainda recente no Brasil, os percursos do arvorismo acrobático nasceram na França no fim dos anos 90, adaptados na Nova Zelândia. Sempre presos a um cabo de segurança, exige do praticante coordenação e equilíbrio para realizar o roteiro nas trilhas suspensas entre copas das árvores.

O segmento do turismo voltado aos esportes de aventura está em grande ascensão, principalmente, nos países da Europa e Estados Unidos. Segundo a Organização Mundial de Turismo (OMT), este segmento cresce 20% ao ano no mundo.

Informações adicionais (47) 367-0493.

Fonte: Assessoria do Parque de Aventuras

  
  

Publicado por em

Paulo

Paulo

04/01/2009 00:06:46
Fantástico