Robert Scheidt tem revanche contra atual campeão mundial

Chegou a hora da revanche. A partir de domingo (18), no Campeonato Sudeste Brasileiro da classe Laser, em Búzios, o hexacampeão mundial e duas vezes medalhista olímpico Robert Scheidt terá a chance de devolver ao português Gustavo Lima a derrota na última

  
  

Chegou a hora da revanche. A partir de domingo (18), no Campeonato Sudeste Brasileiro da classe Laser, em Búzios, o hexacampeão mundial e duas vezes medalhista olímpico Robert Scheidt terá a chance de devolver ao português Gustavo Lima a derrota na última regata do Mundial de Cadiz, em setembro passado, quando o brasileiro perdeu o título por apenas um ponto.

O Sudeste Brasileiro será a primeira disputa de Scheidt em 2004, ano em que ele tem como prioridade os Jogos Olímpicos de Atenas,em agosto, na Grécia.

“O gosto de revanche existe, sim. Mas o mais importante é a oportunidade de disputar um campeonato enfrentando velejadores de alto nível. Acho que a vinda de velejadores estrangeiros para competir no Brasil é muito bom para a divulgação do esporte no país”, disse Scheidt, atual segundo colocado do ranking da Federação Internacional de Vela (ISAF), patrocinado pelo Banco do Brasil, Bingo Augusta, Varig e Volvo Car Brasil e integrante da Equipe Petrobras de Vela.

A programação do Sudeste Brasileiro de Laser prevê a disputa de oito regatas entre domingo e quarta-feira (21), sendo duas por dia, nas águas do Iate Clube Armação de Búzios. Além do português Gustavo Lima,atual campeão mundial e 10º colocado no ranking da ISAF, outra atração em Búzios será o espanhol Luis Martinez Doreste, quarto no Mundial de Cadiz, atual 18º no ranking da ISAF e amigo particular de Scheidt.

“Estou muito feliz em poder voltar a competir e vai ser bom enfrentar de cara os principais velejadores nacionais e alguns destaques do exterior. Assim, ganho ritmo de disputa para os próximos campeonatos”,afirmou o brasileiro, que está com o calendário cheio.

Depois do Sudeste Brasileiro, Scheidt participa do Match Race de Laser e em seguida do Campeonato Brasileiro, ambos também em Búzios. Em fevereiro acontece o Campeonato Sul-Americano, em São Sebastião (SP), e na primeira quinzena de março o supercampeão tenta confirmar presença em Atenas na Semana Pré-Olímpica, novamente em Búzios.

Em 2003, Robert Scheidt venceu as três competições disputadas no Brasil na classe Laser: Paulista,Brasileiro e Semana Pré-Pan-Americana. O iatista não disputou o Sudeste Brasileiro porque seu calendário não permitiu. Aos 30 anos, 21 de carreira, Scheidt tem no currículo exatos 100 títulos.

Fonte: ZDL de Comunicação

Armação dos Búzios

  
  

Publicado por em