São Paulo Boat Show 2004 superou as expectativas de público e negócios

A sétima edição do São Paulo Boat Show 2004, maior salão naútico indoor da América Latina, gerou um volume de negócios de R$ 134 milhões, 4 milhões de reais a mais do que o previsto. Mais de 55 mil pessoas passaram pela feira durante os sete dias de event

  
  

A sétima edição do São Paulo Boat Show 2004, maior salão naútico indoor da América Latina, gerou um volume de negócios de R$ 134 milhões, 4 milhões de reais a mais do que o previsto. Mais de 55 mil pessoas passaram pela feira durante os sete dias de evento. Sábado, dia 23, foi o dia de maior público, quando 11 mil pessoas visitaram o salão náutico.

Cerca de 150 expositores apresentaram novidades do mercado náutico, entre os dias 20 e 26 de outubro, no Expo Center Norte, em São Paulo, onde o evento
foi realizado.

Além das 140 embarcações expostas, entre iates, lanchas, veleiros e botes, alguns com preços semelhantes a de um carro popular -, outras atrações tiveram destaque na feira. Uma delas foi o Brasil Dive Show, espaço reservado para o mergulho com festival de imagens subaquáticas e um grande shopping náutico.

A venda de equipamentos e acessórios para mergulho ficou na casa dos 120 mil reais. Os mais procurados foram o snokel, os óculos e o sapato para usar na água ou no barco.

O número de crianças presentes na feira – mais de 5 mil - participando das atividades de lazer também chamou a atenção. Elas se dividiram entre o batismo de mergulho (Discover Scuba) na piscina montada no local e a regata
com barcos monitorados por controle remoto.

Os adultos preferiram conhecer as embarcações que foram lançamentos na feira e estiveram abertas para visitação. Entre elas:

- Intermarine 560 Full (estaleiro Intermarine) - Com 56 pés e 17 metros de comprimento, apresentou o que há de mais moderno e avançado em tecnologia náutica. Essa mansão flutuante conta com duas suítes com banheiro privativo, box de banho e cama de casal; três quartos e uma ampla sala de estar no qual se destaca um home theater com tela de cristal líquido.

- Phantom 470 (estaleiro catarinense Schaefer Yachts) – Inovadora, sofisticada e moderna, esta lancha acomoda confortavelmente 16 passageiros.Com um amplo espaço interno, dispõe de três cabines, dois toaletes, quatro TVs, ar condicionado, duas churrasqueiras, GPS e muito mais.

- Focker 255 Cabinada (estaleiro catarinense Fibrafort) - Lancha top de linha de 25 pés, de proa fechada com aproveitamento total do convés, possui também bar, geladeira, mesa de centro e paiol para armazenar esqui e wake board. A espaçosa cabine possibilita o pernoite para duas pessoas, pré-instalação de TV e DVD e capacidade máxima para até 10 pessoas.

- A Fishing apresentou o que há de mais moderno em barcos de pesca: o Dourado 500 Fly, com bases giratórias de pesca, iscas artificiais e bancos giratórios independentes, o que permite a presença de quatro pescadores no mesmo barco. A empresa também remodelou internamente os sofisticados Marajó 17 Pantanal (17 pés) e Marajó 15 Pantanal (15 pés).

Fonte: In Press Porter Novelli

  
  

Publicado por em