São Paulo sediará a 21a.edição da Sports Business Show

A capital paulista será palco, entre os dias 29 e 31 de julho, da principal feira de negócios do esporte do Brasil, a Sports Business Show. Em sua 21a edição, o evento acontece no Pavilhão Amarelo do Expo Center Norte, das 13 às 22 horas, e deverá reunir

  
  

A capital paulista será palco, entre os dias 29 e 31 de julho, da principal feira de negócios do esporte do Brasil, a Sports Business Show. Em sua 21a edição, o evento acontece no Pavilhão Amarelo do Expo Center Norte, das 13 às 22 horas, e deverá reunir 70 expositores, 40% a mais que em 2003.

A iniciativa é promovida pela MF Promoções Esportivas
e a Câmara Brasil-Alemanha e tem como públicos-alvo os setores industrial (prestadores de serviço e fabricantes de roupas, calçados, materiais esportivos, pisos, equipamentos e acessórios de ginástica) e empresarial (patrocinadores e investidores), além de federações, confederações e órgãos governamentais do esporte.

Na feira, são mostradas anualmente as tendências e
atualidades do mercado, novos produtos, marcas e serviços, que incentivam a viabilização de negócios e parcerias estratégicas.

A principal novidade da Sports Business Show de 2004 é que ela ganhou uma “feira paralela”, voltada para o futsal, beach soccer e futebol society e que ocupará 500 dos 1.800 metros quadrados do evento (esta área é 20% maior que a da feira anterior).

“Teremos uma feira apenas para estas modalidades, que vêm crescendo significativamente no país nestes últimos
anos. A partir dela, fortaleceremos a relação das indústrias com os lojistas e as escolas de futebol”, observa Mauricio
Fernandez, diretor da MF.

“Estes esportes também terão um fórum de palestras específico e que contará, entre outras personalidades, com o treinador da seleção brasileira de futsal Fernando Coelho, o Ferreti”.

Outra atração da feira é o “Espaço Abraleme”, onde a Associação Brasileira dos Lojistas de Material Esportivo reunirá as principais indústrias do segmento para melhor atender ao lojista.

Em 2003, a Sports Business Show ocupou um espaço de 1.500 metros quadrados e seus 50 expositores mostraram 120 mil produtos ligados a esportes em geral e qualidade de vida. Ao todo, sete mil pessoas visitaram a feira, que movimentou cerca de R$ 3 milhões. Outros R$ 8 milhões foram gerados indiretamente, através de negócios concretizados após a sua realização.

“Neste ano, acredito que o evento terá 10 mil visitantes, um volume de negócios diretos da ordem de R$ 5 milhões e valores pós-feira na casa de R$ 10,5 milhões”, prevê Mauricio. “Esta é a única feira B2B do Brasil, onde fabricantes, prestadores de serviço e empresários do esporte encontram os lojistas de material esportivo, proprietários de academias e administradores de
centros de treinamento”, completa.

Paralelamente à Sports Business Show, será realizado o Sports Business Congress, no Novotel São Paulo Center Norte. Este congresso terá temas de interesse para coordenadores e administradores de clubes, dirigentes esportivos, diretores de escolas e faculdades, atletas e profissionais das áreas de fitness, natação e saúde.

Os assuntos já definidos na grade são: ginástica nas
empresas, a conquista de clientes e seus objetivos, o atendimento como ferramenta de fortalecimento de vendas e o estágio como estratégia lucrativa.

A Sports Business Show é promovida pela MF Promoções Esportivas e a Câmara Brasil-Alemanha. Apóiam o evento a Gol, Ministério do Esporte, Secretaria da Juventude, Esporte e Lazer do Estado de São Paulo, Secretaria Municipal de Esportes, Confederação Brasileira de Futsal, Abraleme, Confederação Brasileira de Futebol 7 Society, Abiae (Associação Brasileira dos Industriais de Artigos Esportivos), Confederação Brasileira de Beach Soccer e a recém-criada Abrinco (Associação Brasileira das Indústrias dos Equipamentos de Condicionamento Físico).

Fonte: ZDL de Comunicação

  
  

Publicado por em