Scheidt e Prada ganham título e vaga para Mundial de Star

Parece não ter fim a sede de títulos de Robert Scheidt em 2004. Nesta terça-feira, novamente competindo na classe Star ao lado do proeiro Bruno Prada, o bicampeão olímpico e heptacampeão mundial de Laser conquistou a Taça Oscar Weckerle, disputada na baía

  
  

Parece não ter fim a sede de títulos de Robert Scheidt em 2004. Nesta terça-feira, novamente competindo na classe Star ao lado do proeiro Bruno Prada, o bicampeão olímpico e heptacampeão mundial de Laser conquistou a Taça Oscar Weckerle, disputada na baía de Santos (SP). Assim, a dupla também garantiu vaga no Mundial da categoria, que acontece na Argentina, em fevereiro.

Foi o terceiro título de Scheidt ao lado de Bruno na Star em menos de um mês e também o 14º no ano e o 114º na carreira do mais vitorioso atleta brasileiro em atividade.

“Estamos muito contentes pelo título e pela vaga no Mundial. Mas também continuamos conscientes de que precisamos aprender muito ainda”, disse Robert, de 31 anos, que é patrocinado pelo Banco do Brasil, Medley Genéricos, Varig e Volvo Car Brasil e integra a Equipe Petrobras de Vela.

Robert e Bruno venceram a única regata disputada neste feriado em Santos e terminaram a Taça Oscar Weckerle com 11 pontos perdidos, dois a menos que a dupla vice-campeã Marcelo Fucks / Cica.

“Fomos muito bem na prova desta terça e os ventos leste de 12 a 14 nós ajudaram nossa performance. Agora é treinar mais e chegar bem no 7º Distrito, em novembro, no Rio de Janeiro”, disse Robert, ainda líder do ranking de Laser da Federação Internacional de Vela (ISAF).

Nas seis regatas que disputaram na baía de Santos desde sábado, Robert e Bruno obtiveram três vitórias, um segundo e dois sextos lugares (um foi descartado).

“Além dos ajustes do barco, precisamos melhorar as trocas de marcha durante a regata. São coisas que só vamos aprimorar com muito treino”, disse Robert, que em
novembro pode repetir o feito de 2001 e ser escolhido pela ISAF como o melhor velejador do mundo no ano.

Em 2004, além da Taça Oscar Weckerle, Robert conquistou outros dois títulos de Star juntamente com Bruno Prada: Taça Alberto Ravazzano e Semana de Vela do Rio de Janeiro. Ele foi ainda campeão brasileiro de Oceano na classe 40.7 e venceu as dez competições que disputou na Laser: Brasileiro,Sul-Brasileiro, Cricket Match Race, Centro-Sul-Americano, Pré-Olímpica de Búzios, Semanas de Hyères, na França, e de Kiel, na Alemanha, Mundial de Bodrum, na Turquia, Campeonato Grego e Olimpíada de Atenas.

Fonte: ZDL de Comunicação

  
  

Publicado por em