Wilson Soares conquistou o título do XII Brasileiro de Enduro Eqüestre

O paulista Wilson Soares, da equipe do Centro de Treinamento Marechal, de Sorocaba, conquistou no sábado, dia 16, o título do XIII Campeonato Brasileiro de Enduro Eqüestre, disputado em Avaré (SP). Montando Rações Guabi Bodolay, Soares venceu a prova

  
  

O paulista Wilson Soares, da equipe do Centro de Treinamento Marechal, de Sorocaba, conquistou no sábado, dia 16, o título do XIII Campeonato Brasileiro de Enduro Eqüestre, disputado em Avaré (SP).

Montando Rações Guabi Bodolay, Soares venceu a prova na categoria 160 km, considerada a Fórmula 1 da modalidade. Ele fez o percurso em 9h34min e garantiu o título da competição, que teve largada e chegada no Parque de Exposições Dr. Fernando Cruz Pimentel.

O XIII Campeonato Brasileiro de Enduro Eqüestre reuniu conjuntos (cavalo e cavaleiro) dos estados de São Paulo, Minas Gerais, Paraná, Santa Catarina, além do Distrito Federal. A temperatura amena e o terreno plano permitiram que os competidores imprimissem uma boa média horária.

O cavalo montado por Soares é muito experiente, já participou de Mundiais, e continua tendo um excelente rendimento, como ficou provado no sábado.

O segundo colocado da categoria 160 km foi Iosnique Vieira da Silva, que montou HVP Bhadan. Ele fez o percurso em 9h52min, seguido por Artur Salles, com Cognac SSC, com o tempo de 9h53min.

Henrique Garcia, também do Centro de Treinamento Marechal, ficou na quarta colocação, com Rações Guabi Epopeu (10h05min17), e em quinto ficou seu companheiro de equipe, Igor Petric montando Rações Guabi Liberdade (10h05min19).

Garcia, veterinário da equipe brasileira, e Petric, na prova de 120 km, estarão no Campeonato Mundial de Jovens Cavaleiros que será realizado no dia 27 de setembro, na Itália.

Na categoria 124 km Adulto, a vitória ficou com o paulista João Roberto de Souza Naves, montando Vorzug. Ele percorreu a trilha em 6h56min.

A segunda colocada foi Gabriela Soares de Moura, com Raja FHB e o tempo de 7h04min, e na terceira posição chegou Manoel Rodrigues Alves, com Gran Lula-la Kaiene, depois de 7h05min de prova.

A disputa da categoria 124 km Young Rider foi uma das mais equilibradas do XIII Campeonato Brasileiro de Enduro Eqüestre. O título ficou com Ricardo Gomes que montou Zapal Polana e fez o tempo de 6h35min34,chegando nove segundos à frente de Ana Carla Maciel, que montou Pimentinha. O terceiro colocado foi Rafael Rocha Leão, com Farouk e o tempo de 6h46min.

A mineira Maria Aparecida Gazola, de Varginha, campeã da categoria 160 km em 2002, disputou a prova de 69 km neste ano, montando Charlie Rach e terminou na primeira posição.

Ela percorreu a trilha em 3h15min11, praticamente junto com sua conterrânea, Paula Abreu, que montou Ômega e chegou um segundo depois.

Os mineiros dominaram a categoria e Carlos Alberto Barcellos Tamm, de Belo Horizonte, garantiu a terceira posição, montando Kalifa e fazendo o tempo de 3h25min.

Wanderley Torino, com Jakar, conquistou o título da categoria 69 km Júnior. Ele fez o tempo de 3h29min04. Entretanto, a disputa foi acirrada com Mariana Zaccaro Conesa, que ficou em segundo montando Aladim.

Ela fez o tempo de 3h39min23. Na terceira posição chegou Ricardo Moyses de Arruda, com Fask, depois de 4 horas de prova.

Na categoria 69 km Young Rider, a vencedora foi Renata Conesa, com Johnny e o tempo de 3h17min.

Em segundo ficou Rafael Salvador/Netuno Yankee, com 3h25min, seguido por Daniel Grande montando Joe e 3h29min de prova. Ele também estará defendendo a equipe brasileira, no Mundial de Jovens Cavaleiros.

O vencedor da categoria 42 km Adulto foi Alexandre Razuzuk, com HDL Phanton. Naira Pesce Dias montando Zen Jamal ficou com o título na categoria 42 km Jovem, Guilherme de Azevedo Sodré,com Iron Pop AS foi campeão na Peso Pesado.

O XIII Campeonato Brasileiro de Enduro Eqüestre teve a organização da Confederação Brasileira e Federação Paulista de Hipismo. O apoio foi da Dupont, Prefeitura Municipal de Avaré e Metalúrgica Schioppa.

Fonte: ROF

  
  

Publicado por em