Trânsito na Imigrantes? Sistema de trem de cargas faz o percurso da Serra do Mar em 16 minutos

O período de férias chegou e os congestionamentos para descer e subir a Serra se transformam em rotina, mas é possível fazer o mesmo percurso em poucos minutos e não é de helicóptero ou avião!

  
  
O diferencial que faz a locomotiva romper a Serra do Mar em apenas 16 minutos é um sistema de tração que possui uma roda dentada

Já pensou em percorrer a serra do mar, que liga a cidade de São Paulo à Baixada Santista, em menos de 20 minutos? Pode parecer um sonho realizar a viagem em pouquíssimo tempo, mas existe um segredo que resolveu o 'problema'. Chamado de Cremalheira, o sistema opera com uma superlocomotiva e trilhos especiais que fazem a descida da serra ser mais rápida do que preparar um macarrão instantâneo e comê-lo!

O diferencial que faz a locomotiva romper a Serra do Mar em apenas 16 minutos no trecho de subida e 19 minutos rumo ao litoral é um sistema de tração que possui uma roda dentada, além de um terceiro trilho também dentado. As locomotivas que possuem uma potência de 5 mil KW, aproximadamente 60% maior que as tradicionais, foram desenvolvidas com tecnologia brasileira especialmente para operarem no sistema.

Ao todo, o trecho possui oito quilômetros de extensão e percorre a serra com uma inclinação de até 10%, um valor bem acima da Rodovia dos Imigrantes, por exemplo, que possui uma declividade máxima de 6%. A inclinação do sistema férreo é quase 40% maior que a usada pelos automóveis. Esta infraestrutura juntamente com o equipamento de última geração são os grandes responsáveis pelo recorde de tempo para subida e descida da Serra do Mar.

Apelidada de Stadler, a locomotiva corta a serra transportando cerca de 750 toneladas de cargas numa velocidade média de 35 km/h. O equipamento tem a capacidade de transporte diário igual a dois mil caminhões e ajuda a desafogar o trânsito das rodovias. Operada pela MRS Logística, a cremalheira só é usada para o transporte de cargas.

Quando se compara o tempo gasto para descer a serra na cremalheira com o das locomotivas tradicionais, do modelo "simples aderência", fica nítida a superioridade do equipamento. Os outros trens de cargas que descem e sobem a serra levam, em média, 3 horas no trajeto contra menos de 20 minutos do moderno sistema.

Há 100 anos
A primeira viagem de um automóvel ligando a capital paulista ao litoral ocorreu entre os dias 16 e 17 de abril de 1908, numa aventura que durou 37 horas. O percurso foi realizado por um grupo de paulistanos que decidiu encarar o caminho pela primeira vez sobre quatro rodas. Após parte da equipe abandonar a experiência ainda no primeiro dia, apenas Prado Jr, Clóvis Glicério, Bento Canavarro e Mário Cardim finalizaram a épica viagem. Apelidados de "bandeirantes sobre rodas”, eles usaram a Estrada de Vergueiro para chegar ao litoral.

  
  

Publicado por em