5 comidas exóticas ao redor do mundo

Você teria coragem de provar? Conheça 5 comidas ao redor do mundo que vão despertar a sua curiosidade e, quem sabe, sua fome.

  
  
Você teria coragem de provar isto? Dê uma olhada no post abaixo e descubra que comida é esta.

A culinária é uma arte exercida por milhares de pessoas desde que o mundo existe. E essa arte sempre nos surpreende com inúmeros pratos inesperados e cheios de sabores exóticos para experimentarmos.

Se você é um curioso e quer experimentar comidas exóticas, prepare-se. Separamos cinco comidas mais exóticas do mundo para você ficar com água na boca e, quem sabe, preparar sua próxima viagem para um desses lugares.

1 - Cuy (Peru)

No Peru, os bonitinhos porquinhos-da-índia são assados inteiros, com uma batata na boca, mas também podem ser servidos em espeto, como um churrasquinho

Sabe os fofinhos e bonitinhos porquinhos-da-índia? No Peru e em outras regiões andinas, eles são servidos como comida. Normalmente são assados inteiros, com uma batata na boca, mas também podem ser servidos em espeto, como um churrasquinho. Outra forma que eles preparam essa comida exótica é fazendo um guisado do bicho.

Muitos turistas não comem, principalmente pelo fato que, culturalmente, eles são bichinhos de estimação em nosso país. Historicamente, existem registros dessa iguaria desde antes dos espanhóis desembarcarem por lá. E aí, vai experimentar?

2 - Camarões bêbados (China)

Se os camarões são escorregadios para comê-los vivos, o jeito na China é deixá-los bêbados antes.

Todos sabemos que a China gosta de comer coisas vivas. Isso não é novidade. Novidade é a solução que eles conseguiram para comer camarões vivos.

Não sei se você sabe, mas camarões vivos são difíceis de segurar, eles escapolem de sua mão. Pensando nisso, algum chinês resolveu preparar essa comida bem exótica de uma diferente forma: deixando os camarões bêbados. Eles são postos em um pote, de molho em uma bebida alcoólica, e deixados ali até que seja possível pegá-los e comê-los. Crus mesmos. Simplesmente “camarões bêbados”.

Se estiver visitando a China, então, olhe bem qual camarão você vai comer, vai que ele não está tão bêbado assim. Tem coragem de comer?

3 - Balut (Filipinas)

O Balut é o ovo com o embrião em pleno desenvolvimento, cozido e comido na casca.

Se você for à Filipina e lhe oferecerem um Ovo de Pato cozido, que é vendido nas ruas, é bom ler primeiro essa matéria. Nas Filipinas, essa comida exótica é comercializada normalmente, sem nenhum tipo de restrição.

Mas você pode pensar: qual o problema com o ovo do pato? Nenhum, até o momento em que você descobre que o Balut é o ovo com o embrião em pleno desenvolvimento, cozido e comido na casca.

Ou seja, o pobre coitado do pato nem nasceu e já está sendo consumido. Se quiser experimentar essa iguaria, fique à vontade, você encontrará facilmente nas Filipinas. Então, nas próximas férias, já sabe para onde ir e comer pato de uma forma que nunca você viu. Dizem que é crocante.

4 - Kopi Luwak (Indonésia)

O café mais caro do mundo é preparado a partir das fezes de um animal.

Se você estiver visitando a Indonésia, que tal experimentar um exótico café. O Kopi Luwak é o café mais caro do mundo. Sabe por quê? Esse tipo especial de café é preparado de uma forma muito diferente.

Acontece assim: um bicho chamado de civeta (um tipo de guaxini) come os grãos de café. Eles fermentam na barriga do bicho e saem por inteiro nas fezes dos mesmos. A partir daí começa o preparo.

Os grãos são colhidos (sim, do meio das fezes do animal), limpos, e só então levados para torrefação. Aqueles que experimentam dizem que o sabor é bem diferente, lembrando um pouco o chocolate.

Um café semelhante é o Jacu Bird Coffee, produzido aqui no Brasil. O processo é o mesmo, a diferença que o bicho que come o café é o Jacu. Uma boa bebidinha para apreciar na Indonésia. O que acha?

5 - Bebbux (Ilha de Malta)

Os caracois, facilmente reconhecidos pelos fazendeiros por conta das marcas em seus cascos, são consumidos na Ilha de Malta.

Se você estiver a passeio na Ilha de Malta, o que é algo bem interessante para umas férias, prepare-se para conhecer uma de suas comidas exóticas: o bebbux.

Sabe o que são bebbux? Caracois. Sim, isso mesmo. Andando pela Ilha, você se deparará com vários caracois rastejando, mas fique tranquilo. Não são esses que você vai (ou não) consumir. Existe um tipo certo que pode ser comido, o caracol "Ghakruxu". Essa espécie é facilmente reconhecida pelos fazendeiros por conta das marcas em seus cascos.

E aí, preparado para encarar essas comidas exóticas?

  
  

Publicado por em