Diversidade do artesanato encanta no Salão do Turismo

Palha de banana, linha e piaçava se transformam em obras de arte no Salão do Turismo

  
  
Zelito, 45 anos, e seu tear encantam quem passa pelo Espaço Vivências do 6° Salão do Turismo – Roteiros do Brasil

A arte de trançar a linha conquistou o baiano Zelito aos 11 anos. O cunhado, considerado um pai para o artesão, aprendeu a arte da tecelagem no Convento São Joaquim (BA) e a ensinou para Zelito e seus irmãos. Zelito, 45 anos, e seu tear encantam quem passa pelo Espaço Vivências do 6° Salão do Turismo – Roteiros do Brasil, no Anhembi, em São Paulo (SP).

Das fibras naturais, da linha, da piaçava, da palha de banana, o artesão de Salvador (BA) produz verdadeiras obras de arte. É difícil não se encantar com as peças, que variam de R$ 30,00 a R$ 300,00. Essa é primeira vez que Zelito participa do Salão do Turismo.

Fonte: MTur

  
  

Publicado por em

Antonio m@rcos

Antonio m@rcos

18/08/2011 18:58:50
Muito legal!