27° Festival da Pinga e de Produtos da Cultura Caiçara em Parati/RJ

O tradicional Festival da Pinga e de Produtos da Cultura Caiçara chega à 27º edição, de 20 a 23 de agosto, em Parati, na Costa Verde fluminense.

  
  

O tradicional Festival da Pinga e de Produtos da Cultura Caiçara chega à 27º edição, de 20 a 23 de agosto, em Parati, na Costa Verde fluminense. Programações musicais, folclóricas, infantis e gastronômicas fazem parte do evento, que promove uma verdadeira imersão dos visitantes na cultura caiçara.

Durante quatro dias as tardes serão embaladas por shows gratuitos de choro, samba e MPB. A programação noturna tem como destaques a banda TrioVirgulino, no dia 20/08; Antônio Nóbrega, que se apresentará na sexta, 21/08; Almir Sater, que fará o seu show no dia 22/08 e, para encerrar, no dia 23/08, o grupo Pimenta do Reino.

A folia gastronômica vai oferecer pratos típicos, como a comida de tropeiro, frutos do mar e o tradicional camarão casadinho, que pode ser harmonizado com cachaças dos produtores locais. Os visitantes também levam de brinde miniaturas das cachaças.

A grande novidade deste ano é o envolvimento dos sete alambiques da cidade, que estarão abertos para visitação. Nesta edição do festival, Parati ganha ainda mais um rótulo: a Cachaça Mulatinha, lançamento do alambique Paratiana.

Um desfile temático pelas ruas do centro histórico, ao som das marchinhas da banda local Santa Cecília, encenará os tempos de engenho, com escravos e tropeiros, nos dias 20 e 21. Melados e pedacinhos de cana de açúcar serão distribuídos para os visitantes degustarem. Ainda no dia 20, quinta-feira, sete meninas, cada uma representando um alambique, concorrem ao título de Rainha Caiçara.

A cenografia do festival será incrementada com elementos da cultura caiçara, tornando a festa ainda mais atrativa e colorida para as famílias. O trabalho está sendo feito em parceria com a ONG local Casa Azul. O centro histórico ganhará uma mini-vila caiçara, onde serão resgatadas cantigas de roda, brincadeiras com fantoches e cordas. A atividade também terá caráter educativo, explorando a problemática do alcoolismo.

Fonte: Secretaria de Turismo do Rio de Janeiro

  
  

Publicado por em