Projetos Demonstrativos dos Povos Indígenas tem aprovadas mais nove propostas

Em reunião realizada em 20/02, no MMA - Ministério do Meio Ambiente, em Brasília (DF) o PDPI - Projetos Demonstrativos dos Povos Indígenas aprovou nove propostas, de dez recebidas. Também discutiu-se a persistente falta de apoio do Banco do Brasil e a urg

  
  

Em reunião realizada em 20/02, no MMA - Ministério do Meio Ambiente, em Brasília (DF) o PDPI - Projetos Demonstrativos dos Povos Indígenas aprovou nove propostas, de dez recebidas. Também discutiu-se a persistente falta de apoio do Banco do Brasil e a urgência para que o Congresso Nacional aprove o financiamento do banco alemão KfW para novos projetos.

Das dez propostas encaminhadas por organizações indígenas da Amazônia Brasileira ao PDPI, nove foram aprovadas pela comissão executiva, durante a terceira reunião ordinária do programa, que aconteceu de 18 a 20/02.As propostas aprovadas receberão investimentos no total de R$ 1.548.237,00.

Esse valor será repassado pelo DFID - Departamento Internacional para o Desenvolvimento, do governo britânico. Vinculado ao MMA, o PDPI faz parte do PPG7 - Programa Piloto para a Proteção das Florestas Tropicais do Brasil financiado pelos sete países mais ricos do mundo. Seu objetivo é contribuir para a sustentabilidade econômica, socioambiental e cultural dos índios na Amazônia Legal.

Desta vez, a reunião do PDPI, que tem sede em Manaus (AM), foi realizada em Brasília com a finalidade de chamar a atenção do Ministério do Meio Ambiente para que os processos burocráticos relacionados ao programa sejam mais ágeis e também porque seus dirigentes tinham audiência marcada com a ministra Marina Silva.

Fonte: ISA - Instituto Socioambiental

  
  

Publicado por em

Julio

Julio

23/04/2009 17:16:30
Maneiro, gostei!