Universidades do Paraná têm 54 índios como alunos

No Paraná, 54 índios estão freqüentando aulas em universidades. Eles foram aprovados no Vestibular dos Povos Indígenas realizado este ano, pela primeira vez, na UFPR - Universidade Federal do Paraná. Sete faculdades particulares já adotam esse procedi

  
  

No Paraná, 54 índios estão freqüentando aulas em universidades. Eles foram aprovados no Vestibular dos Povos Indígenas realizado este ano, pela primeira vez, na UFPR - Universidade Federal do Paraná.

Sete faculdades particulares já adotam esse procedimento desde 2002. No curso de medicina, há cinco índios matriculados na UFPR - um do Paraná e quatro do Rio Grande do Sul.

Segundo a coordenadora do vestibular indígena na UFPR, Ciméia Beviláqua, em breve será firmado um convênio com a Funai - Fundação Nacional do Índio, que vai permitir que os alunos da instituição tenham todo o tipo de assistência para permanecer em Curitiba até concluir os estudos.

Além da vaga, a universidade está fornecendo alimentação, assistência médica e odontológica no Hospital de Clínicas e uma bolsa permanência de R$ 150,00. A Funai ficou responsável pela moradia, transporte e fornecimento de todo material didático.

A professora Ciméia informou que, no próximo ano, a UFPR aceitará mais cinco indígenas e este número aumentará progressivamente a partir de 2007.

Segundo ela, o critério de seleção obedece às normas vigentes, com questões sobre conteúdos do ensino médio. A diferença é a realização de uma prova oral. A professora disse que a participação de alunos indígenas nas salas de aula enriquece a universidade.

Fonte: Agência Brasil

  
  

Publicado por em

Janderson rodrigues ramos

Janderson rodrigues ramos

07/11/2011 23:06:42
Sou indigena e quero fazer parte dessa escola. O que eu faço para chegar lá?

Alessandra

Alessandra

29/09/2008 08:06:40
errado