Garanhuns/PE recebe programação da Semana da Pessoa com Deficiência

O município é pioneiro do projeto Pernambuco Sem Barreiras

  
  

Dentro da programação da Semana da Pessoa com Deficiência, foi sendo realizado em Garanhuns, nesta segunda (24), a partir das 14h, o Seminário da 9ª Semana Estadual da Pessoa com Deficiência. O evento foi promovido pela Prefeitura de Garanhuns e o governo do Estado, no auditório do Centro Administrativo Arlinda da Mota Valença, em Garanhuns.

O município é pioneiro do projeto Pernambuco Sem Barreiras. Em maio deste ano, arquitetos enviados pela Secretaria de Turismo de Pernambuco visitaram o município no intuito de realizar análise técnica dos atrativos turísticos para torná-los acessíveis. O Relógio das Flores foi o ponto turístico escolhido, devido ao complexo que abrange, com chalé de informações turísticas, bares, restaurantes, hotéis, cinema e entre outros.

Lançamento - Durante o lançamento da 9ª Semana Estadual da Pessoa com Deficiência, na última sexta (21), o governador Eduardo Campos declarou que “o segmento das pessoas com deficiência não pode ser encarado pela máquina pública como uma questão setorial”. Com estas palavras, ele mostrou a compreensão e o esforço da sua gestão na elaboração de políticas públicas voltadas para o segmento. A Semana acontece até o próximo dia 28, e tem como tema “Trabalho Pra Todos”. O objetivo é chamar a atenção de autoridades, empresários e da sociedade em geral para o cumprimento da Lei 8.213/91 que estabelece cotas de 2% a 5% para a empregabilidade de pessoas com deficiência nas empresas públicas e privadas com mais de cem funcionários.

Na ocasião, Eduardo também assinou o decreto de criação do Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Pessoa Com Deficiência e empossou os novos conselheiros do setor e seus respectivos suplentes para o biênio 2009/2011. Além disso, Eduardo assinou convênios de cooperação técnica entre o Governo e várias prefeituras para intensificar as ações dirigidas à inclusão da pessoa com deficiência.

O governador falou aos conselheiros que o principal objetivo agora é a institucionalização das políticas públicas para as pessoas com deficiência. “Isto tem que ser feito até dezembro. Vamos discutir as pautas e, como já fizemos com a questão da juventude e de gênero, enviar à Assembléia Legislativa os documentos necessários para institucionalizar as políticas públicas para que elas independam de quem esteja aqui. Os direitos serão assegurados e a máquina pública incorporada a esses conceitos de política pública”, garantiu.

Fonte: Secretaria de Turismo de Pernambuco

  
  

Publicado por em