Rota turística do Mato Grosso cria trilha para deficiente visual

Empresa da Chapada dos Guimarães aproveita peculiaridades da vegetação do cerrado para promover inclusão no turismo

  
  

Guimarães (MT) poderão ser sentidas também por turistas portadores de deficiência visual. A primeira trilha de ecoturismo adaptada a este público está sendo montada no empreendimento Espaço Chapada Aventura, no Vale da Bênção, um dos muitos atrativos da cidade, a 64 km de Cuiabá.

A trilha é um dos 18 produtos que estão sendo formatados no programa Qualitur, implementado pelo Sebrae em Mato Grosso, Secretaria de Desenvolvimento do Turismo e prefeitura municipal.

O objetivo é melhorar a competitividade turística do município. Eles serão apresentados no Salão do Turismo de São Paulo, em junho, e a partir desta data começam a ser comercializados.

O empresário Enimar Ataíde, proprietário do Espaço Chapada Aventura, onde a trilha especial está sendo montada, explica que segue as normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). Segundo ele, esta é a única trilha do gênero no Brasil.

“O município de Socorro, em São Paulo, se profissionalizou em turismo para portadores de necessidades especiais, mas ainda não dispõe deste tipo de serviço”, compara.

Nomes de plantas em braille:

Enimar destaca que a vegetação do cerrado é muito propícia a atividades com deficientes visuais e adianta que estão sendo instalados cordões com sinalização tátil (nós) e placas com nomes das plantas em Braille.

O empreendedor trabalha com turismo faz dez anos e há dois tem a empresa formalizada. No espaço, trabalha com turismo de aventura, ecoturismo e treinamento para empresas. Atende a um público diversificado, numa faixa etária que vai de sete anos até pessoas idosas. Recebe grupos de até 50 pessoas, acompanhados por 12 condutores que atuam dentro de todos os princípios da segurança que esse tipo de turismo exige.

Fonte: Sebrae

Visite:www.revistaecotour.com.br

  
  

Publicado por em

Vera

Vera

23/06/2011 20:52:35
Sou deficiente fisica e estudante de gestão de turismo e quero parabenizá-los pela iniciativa,investir neste público é muito promissor.abraços