Socorro/SP é lançado como destino referência em acessibilidade

No evento, o Ministro aproveitou para falar sobre a importância de Ilhabela na promoção do Litoral Norte como pólo turístico internacional.

  
  

O prefeito de Ilhabela Toninho Colucci (PPS) acompanhado da secretária de Turismo, Maria Ines Ferreira e da diretora de Turismo, Djane Vitoriano esteve com o ministro do Turismo, Luiz Eduardo Barreto, no evento de lançamento de Socorro - SP como destino referência em acessibilidade, na última sexta-feira (22/5).

Tradicional roteiro paulista de turismo de aventura, a Estância Hidromineral de Socorro, está localizada há 132 quilômetros de São Paulo e se destaca como destino de aventura especial no Brasil. A cidade que tem como prefeita, Marisa de Souza Pinto Fontana, faz parte do Circuito das Águas Paulistas e recebeu investimentos de R$ 1,73 milhão do Ministério do Turismo para adaptar os equipamentos públicos para a recepção e prestação de serviços adequados aos portadores de deficiências físicas e motoras.

Na ocasião, Ilhabela também foi lembrada pelo ministro do Turismo que cumprimentou o prefeito Toninho Colucci e ressaltou a importância do município como indutor de turismo da região. Segundo Luiz Eduardo Barreto, o Ministério tem feito um trabalho de regionalização nas principais regiões turísticas do país. São 65 destinos indutores, mais 10 destinos de referência segmentada, e para isso a Fundação Getúlio Vargas (FGV) estará acompanhando o desenvolvimento dos municípios até 2014 por meio de pesquisas. “A idéia é que o Brasil tenha 65 destinos preparados para a Copa do Mundo e que aproveitem todas as potencialidades que esse evento vai ter”, explica.

De acordo com ele, a região receberá investimentos nas áreas de infra-estrutura, qualificação profissional, promoção, entre outras. “Ilhabela tem grande potencial, recebe mais de 100 navios e a perspectiva é transformar o Litoral Norte de São Paulo num grande pólo e numa grande porta de entrada do turismo internacional e do Brasil”, ressalta Luiz Eduardo Barreto, ministro do Turismo.

Para o prefeito de Ilhabela, Toninho Colucci é de extrema importância prestigiar os municípios, que assim como Ilhabela também receberão investimentos do Ministério do Turismo. “Fiquei muito feliz porque fomos lembrados no evento e vamos fazer com queIlhabela se destaque como município indutor de turismo na região do Litoral Norte”, declarou o prefeito.

Socorro acessível: um projeto que fez a diferença

Socorro é um caso de sucesso do projeto de Estruturação de 10 Destinos Referência em Segmentos Turísticos do Ministério do Turismo. Por meio do Projeto “Socorro: Destino-Referência em Turismo Especial”, mais conhecido como “Socorro Acessível”, foram realizadas obras de adaptação de calçamentos, construção de banheiros e rampas de acesso para cadeirantes, demarcação de vagas de estacionamento para motoristas especiais e instalação de semáforos sonoros para deficientes visuais.

Como a cidade é referência no segmento de Turismo de Aventura, o projeto contemplou também a adaptação para a prática de esportes e outras atividades de lazer, como tirolesa, arvorismo, rapel, fora-de-estrada, caminhada de curta duração, cavalgada e rafting.

Para a secretária de Turismo Maria Inês Ferreira, a indicação foi justa, já que eles souberam trabalhar um tema tão importante com muita competência e responsabilidade. “Eles tiveram a coragem de abordar e se posicionar como cidade preocupada com acessibilidade e foram inteligentes em buscar recursos do Ministério com o projeto Socorro Acessível”, ressalta.

Maria Inês garante ainda que atualmente Socorro é o farol da acessibilidade que sinaliza como é possível proporcionar lazer para os portadores de necessidades especiais. “Nós fomos conferir de perto e queremos investir em acessibilidade também em Ilhabela”, comenta.

O projeto Socorro Acessível, iniciado em 2006, é uma parceria entre Ministério, o Instituto Casa Brasil de Cultura, a Prefeitura de Socorro, a Associação para Valorização e Promoção de Excepcionais e Associação Brasileira de Empresas de Ecoturismo e Turismo de Aventura.

Fonte: Secretaria de Turismo de Ilhabela

  
  

Publicado por em