Rede Hoteleira e Agências de Viagens de Recife são orientadas sobre Gripe A (H1N1)

o Governo Federal também orienta passageiros e turistas sobre quais cuidados devem ser tomados através dos Centros de Orientação de Viajantes da Anvisa, localizados no Aeroporto e Porto do Recife.

  
  

A Prefeitura do Recife, por meio da Vigilância à Saúde do Recife, promoveu uma reunião com representantes da rede hoteleira e agências de viagem da cidade para tratar sobre a gripe A (H1N1). O encontro aconteceu na tarde desta quinta-feira (07), no Hotel Jangadeiro, em Boa Viagem, sendo realizado em parceria com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e a Secretaria Estadual de Saúde. Na ocasião, os palestrantes abordaram questões importantes sobre a influenza A (H1N1), a atual situação epidemiológica do Brasil, além de orientações sobre o controle da doença.

Segundo a diretora de Vigilância à Saúde da Prefeitura, Adeilza Ferraz, o encontro tem como objetivo orientar as pessoas da área do turismo e entretenimento sobre como agir em caso de suspeita da doença. “Esses profissionais têm contato direto com turistas vindos de toda parte do mundo. Com uma orientação adequada, eles saberão como reconhecer casos suspeitos da doença e quais procedimentos realizar”, informou Adeilza. O público também pôde se informar sobre quais medidas de biossegurança devem ser adotadas, por meio da limpeza, higienização dos ambientes, tratamento do lixo sólido e contato com pessoas com suspeita da doença.

De acordo com informações da Secretaria de Saúde do Estado, até o momento existe apenas um caso suspeito de contaminação da gripe em Pernambuco. “Os hotéis, pousadas e hospedarias também são fontes notificadoras da doença. Por isso é muito importante a constante observação por parte dos profissionais para que, em caso de suspeita, a Anvisa seja imediatamente acionada, como também o Centro de Informações Estratégicas de Vigilância à Saude (CIEVS), para que a pessoa seja devidamente encaminhada ao Hospital Oswaldo Cruz, única unidade no Estado preparada para atender casos da gripe A (H1N1)”, explicou Romildo Soares, da Secretaria de Saúde do Estado.

Para Cristiane Duarte, representante do Hotel Nanai/ Muro Alto, a palestra foi bastante proveitosa. “É muito importante manter nossos funcionários bem informados sobre a doença e como devemos proceder em caso de recebermos turistas com suspeita da gripe”, afirmou a participante. Segundo a representante da Anvisa, Ana Lúcia Magalhães, o Governo Federal também orienta passageiros e turistas sobre quais cuidados devem ser tomados através dos Centros de Orientação de Viajantes da Anvisa, localizados no Aeroporto e Porto do Recife.

Em caso de suspeita da doença, os órgãos que devem ser imediatamente notificados são a Anvisa (Aeroporto- 3301-3638/ porto- 3301-8027) e o CIEVS (0800-281-3041/ 9488-4267/ 3181-6053). Para dúvidas e informações, o cidadão deve entrar em contato com o Disque Sáude de Pernambuco, através do 0800-2862-828 ou pelo e-mail: notifica@saude.pe.gov.br

Fonte: Secretaria de Turismo de Recife

  
  

Publicado por em